TELECOM

Anatel nega pedido da Brasscom e mantém prazo de consulta sobre agenda regulatória

Ana Paula Lobo ... 21/01/2019 ... Convergência Digital

A Brasscom tentou, mas não teve o pedido aceito pela Anatel para a prorrogação da consulta pública 49/2018, que trata sobre a nova agenda regulatória para o biênio 2019/2020. A decisão do órgão regulador foi publicada no Diário Oficial da União. O prazo para a entrega de sugestões termina às 23h59 desta segunda-feira, 21/01. A Agenda Regulatória é instrumento de planejamento que agrega as ações regulatórias consideradas prioritárias e que serão objeto de estudo ou tratamento da Agência durante sua vigência.

Entre as prioridades da nova agenda, que foi relatada pelo conselheiro Emmanoel Campelo, estão a revisão do modelo legal das telecomunicações, oferta de espectro, internet das coisas e 5G. Na parte de espectro, além da faixa 3,5GHz para o 5G e um possível leilão ainda em 2019, mesmo que contestado por operadoras como a Claro, do grupo América Móvil, também entrou como ações prioritárias a destinação da banda L, de 1427 a 1518 MHz.

A agenda regulatória proposta contém 51 ações, sendo qu 37 estão em andamento e 14 serão inéditas. O texto contempla ainda os regulamentos sobre serviços de emergência e segurança das redes; gestão da qualidade; fiscalização; arrecadação e regimento interno. Para contribuições, clique aqui.


Internet Móvel 3G 4G
Indústria de Telecom mobiliza força-tarefa para salvar 5G da guerra política

A GSMA, que representa fabricantes e operadoras de telecomunicações, propôs aos governos da Europa a realização de um regime comum de testes de seguranças de rede para evitar a exclusão de fornecedores dos processos. O medo da GSMA é que a disputa entre a Huawei e o governo dos EUA, com respingo na Europa, impacte a construção das novas redes.

Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Teles vão ao STF contra lei que obriga atendimento em 15 minutos

Nova ação direta de inconstitucionalidade argumenta competência federal sobre telecom para questionar a lei aprovada em São Paulo que dispõe sobre o tempo de espera nas lojas das operadoras.

EUA vai banir Huawei e sugere cortar parcerias com quem não imitar

Em visita ao leste europeu, o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, diz que o uso de equipamentos de telecomunicações chineses “dificultam parcerias”.

Teles questionam no STF leis sobre cobrança e desbloqueio de celular

Em duas ADIs, empresas reclamam que leis do Rio de Janeiro invadiram a competência federal para tratar de telecomunicações.

Anatel reserva parte da faixa de 1,9 GHz da Claro para conexões via satélite

Ao analisar prorrogação do uso para telefonia fixa, agência reduziu prazo a cinco anos com vistas a mudar a destinação para o serviço móvel global por satélite.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G