Home - Convergência Digital

No Rio de Janeiro, reajuste dos trabalhadores de TI ficou em 4,16%

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 11/12/2018

O sindicato patronal TI Rio e Sindpd-RJ assinaram, nesta segunda-feira, 10/12, o Termo Aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho (TA CCT) 2017/2019, com vigência para este ano de 2018. A data base no Rio de Janeiro é no mês de setembro. Em resumo ficou acordado entre as partes:

a) Reajuste salarial: 4,16%

b) Pisos salariais:

• Atividade meio R$ 1.036,37

• Digitador R$ 1.224,47

• Técnico Profissional de Informática R$ 1.339,26

• Analista de Sistemas R$ 2.009,54

O pagamento das diferenças dos reajustes salariais e dos pisos das competências de setembro/2018, outubro/2018 e novembro/2018, bem como da 1ª (primeira) parcela do 13º (décimo terceiro) salário e férias gozadas, poderá ser realizado até a folha de pagamento da competência de fevereiro/2019.

c) Tíquete refeição:

R$ 25,31 para jornada de 8 (oito) horas diárias

R$ 18,31 para jornada de 6 (seis) horas diárias

d) Benefício indireto:

R$ 206,10 para jornada de 8 (oito) horas diárias

R$ 154,78 para jornada de 6 (seis) horas diárias

O pagamento do tíquete e do benefício indireto ocorrerá a partir de dezembro/2018, sendo facultado as empresas realizar o pagamento do valor correspondente a diferença do benefício de dezembro/18, em crédito suplementar até a competência fevereiro/19.

As demais cláusulas econômicas foram reajustadas a partir de dezembro/2018, conforme disposição do Termo Aditivo assinado. Clique aqui e leia Termo Aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

19/12/2018
TRT/São Paulo homologa dissídio coletivo de TI

12/12/2018
Trabalhadores de TI de São Paulo vão discutir trabalho intermitente com patrões

11/12/2018
No Rio de Janeiro, reajuste dos trabalhadores de TI ficou em 4,16%

10/12/2018
Reajuste salarial de trabalhadores de TI de São Paulo ficou em 2,07%

18/10/2018
Dissídio TI : Patrões dizem não à arbitragem pública sugerida pelo TRT de São Paulo

05/10/2018
TRT quer transformar dissídio coletivo de TI em São Paulo na primeira arbitragem pública do Brasil

13/07/2018
Dissídio dos trabalhadores de TI de São Paulo segue sem definição no TRT

28/06/2018
Sem acordo, categoria de TI em São Paulo fica à espera do dissídio coletivo

25/06/2018
Funcionários da ex-Cobra Tecnologia voltam ao trabalho, mas mantêm estado de greve

21/06/2018
BBTS, ex-Cobra Tecnologia, aceita acordo do TST até julgamento do dissídio

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como a expatriação fortalece empresa e funcionários?

Por MarcosSantos*

O processo, que consiste em enviar profissionais para trabalhar na unidade da mesma empresa em outro país, promove uma troca de conhecimento entre a equipe da unidade estrangeira e novo colaborador, uma experiência enriquecedora de ampliação de  expertises e de uma nova atmosfera de trabalho.

Destaques
Destaques

América Latina é um celeiro de talentos para o Open Source

"Temos recursos surpreendentemente bons", diz Paulo Bonucci, General Manager da Red Hat na América Latina. Sobre a compra pela IBM, o executivo diz que a Red Hat se uniu com quem tem o DNA para atender o mercado corporativo.

Brasil despenca 12 posições em ranking mundial de proficiência em inglês

País passou ocupar a 53ª posição - estava em 41º - em ranking com 88 países, e que avalia o nível de proficiência no idioma de aproximadamente 1,3 milhão de pessoas. Desempenho da América Latina piorou.

STF derruba TST e reafirma terceirização irrestrita

Plenário da Corte entendeu que é lícita a terceirização tanto para a atividade-meio como para a atividade-fim, mesmo nas operadoras de telecomunicações.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site