INOVAÇÃO

Governo vai usar R$ 1 bilhão da Finep em saneamento, mobilidade e energia

Luís Osvaldo Grossmann* ... 27/09/2018 ... Convergência Digital

O governo federal anunciou nesta quinta, 26/9, um programa batizado de Cidades Inovadoras, que promete R$ 1 bilhão em financiamentos da Finep em condições mais fáceis e ágeis para os municípios do país. O dinheiro será destinado preferencialmente a projetos de saneamento, mobilidade urbana e energia elétrica, sendo que o conceito de ‘inovadoras’ parece elástico o suficiente para ajudar as prefeituras.

Como lembrou o presidente em exercício da Finep, Ronaldo Camargo, após a solenidade de lançamento do programa no Palácio do Planalto, empréstimos para infraestrutura costumam ser terreno do BNDES, cabendo à Finep financiar “projetos que tragam inovação a essas infraestruturas e aos serviços fornecidos por ela”.

“Por exemplo, há um projeto no Pará que busca controlar a perda de água. Com uma tecnologia inovadora será possível reduzir em 50% a água perdida. É esse tipo de projeto que a Finep tem condições de financiar”, explicou Camargo.

O ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, apontou que “através de uma engenharia financeira realizada pela Finep, estamos oferecendo aos municípios um programa que vai contribuir para que as cidades possam se modernizar, construir politicas públicas sustentáveis e mais eficientes”.

O programa promete descentralizar os financiamentos ao prever parcerias com agentes financeiros credenciados. Segundo explica a Finep, o foco serão bancos de desenvolvimento, agências de fomento e outras instituições financeiras que repassarão recursos a prefeituras, governos estaduais e empresas de economia mista ou empresas privadas interessadas em desenvolver projetos.

As áreas prioritárias são 1) saneamento e recursos hídricos: tratamento, compostagem, aproveitamento de água da chuva; 2) mobilidade urbana: implantação de sistemas de transporte e circulação que priorizem a eficiência e a redução de emissões; 3) eficiência energética: instrumentações – processos – programas; e 4) energias renováveis: tecnologias e sistemas para energia fotovoltaica – eólica – biomassa.

A taxa de juros será de CDI + 4,0% a.a. (remuneração Finep) e a remuneração do agente será negociada entre a instituição e o cliente. O prazo de carência será de até 24 meses e o prazo de amortização, de até 96 meses. A Finep terá participação de até 100% do valor do Plano Estratégico de Inovação. A garantia de pagamento prevê cessão de créditos pelas financiadas para depósito prioritário em conta específica destinada ao pagamento do empréstimo Finep.

* Com informações da Agência Brasil



TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Serviços de voz estão mais vivos do que nunca na jornada digital

Quem pensa que os serviços de voz serão secundários está cometendo um erro, pontuou Douglas Silva, executivo da AWS. "Acreditamos que nos próximos 24, 36 meses a voz vai evoluir de apenas serviço informacional para transacional".

Febraban: o céu é o limite para modelos de negócios com blockchain

A blockchain bancária é ainda uma produção pequena, mas é um marco para o setor, observa o diretor setorial de Tecnologia da Febraban, Gustavo Fosse. Sobre o Open Banking, a única certeza é que ele vai vir e já no ano que vem.

Distributed Ledger: open source e blockchain unem esforços

Para o diretor de DCX das Capgemini, Thiago Nascimento, a tecnologia de livro-razão (Distributed Ledger) será disruptiva e exigirá a interoperabilidade do setor financeiro.

Biometria é o ‘empurrão do governo’ para aumentar a bancarização

Inclusão financeira passa por ações mais efetivas do governo, como aconteceu na Índia, afirma diretor-geral da Tata Consultancy Services no Brasil, Tushar Parikh.

BBTS quer ser a integradora dos pequenos bancos no open banking

Para a BBTS, o novo modelo de atuação do sistema financeiro exige aportes que nem todas as instituições financeiras terão fôlego para fazer.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G