Home - Convergência Digital

Maioria dos passageiros trocaria comida por internet em voos

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 07/08/2018

Uma pesquisa global sobre conectividade patrocinada pela Inmarsat indica que a oferta de WiFi à bordo já é fundamental na escolha da companhia aérea. Segundo esse estudo, 80% disseram que é mais provável fazer nova reserva em uma empresa se houvesse disponibilidade de acesso a internet.

Os números foram levantados pela empresa britânica Populus para a quarta edição da Pesquisa Global de Conectividade a Bordo e refletem 9.341 entrevistas realizadas entre abril e maio deste 2018 ao redor do mundo. Eles sugerem que a demanda pela conexão é tanta que 54% abririam mão das refeições nos voos se isso garantisse a oferta de WiFi, enquanto 60% dispensariam bebidas alcoólicas pelo mesmo motivo.

Na América Latina, 69% descrevem WiFi nos voos como essencial para melhorar a experiência do passageiro e motivar a fidelidade. A internet é considerada o terceiro fator mais importante para os passageiros na região, atrás apenas da reputação da empresa e da bagagem despachada gratuitamente.

Os passageiros latino-americanos tendem a utilizar o WiFi a bordo mais do que quaisquer outros passageiros em todo o mundo; nove em dez passageiros na região (94%) usariam o Wi-Fi a bordo se estivesse disponível em seu próximo voo. E 95% dos passageiros em viagem de negócios ou viajando com crianças e usuários entre 18 e 30 anos na região planejam usar o serviço se ele for oferecido no próximo voo.

O Wi-Fi a bordo também poderia resultar em viagens de negócios mais produtivas, visto que mais de oito em dez viajantes de negócios (84%) na região usariam o Wi-Fi a bordo para continuar trabalhando no avião. O acesso ao Wi-Fi também é um fator importante para os passageiros ansiosos, pois que mais da metade (56%) disse que usaria a tecnologia para manter o contato com familiares e amigos no solo.


Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

18/10/2018
PSB vai ao STF contra tentativa da Anatel de mediar contratos entre teles e OTTs

09/10/2018
Endereços IPv4 acabam em janeiro de 2020 na América Latina

01/10/2018
Brasil chega aos 4 milhões de endereços ‘.br’

01/10/2018
Califórnia sanciona lei de neutralidade de rede e governo dos EUA processa

27/09/2018
Fapesp e CGI.br abrem chamada de R$ 20 milhões para pesquisas sobre internet

25/09/2018
Receitas globais com vídeos pela internet vão mais que duplicar até 2023

24/09/2018
Redes sociais e buscadores puxam crescimento de 4,5% em publicidade

24/09/2018
Via Varejo contrata Getnet para oferta de serviços financeiros online

19/09/2018
Justiça negocia plataforma para cooperação jurídica online com a Interpol

18/09/2018
Mais da metade das crianças e adolescentes buscam notícias na internet

Destaques
Destaques

Mercado de IoT projeta movimentar US$ 8 bilhões no Brasil em 2018

Embora conte com políticas públcias específicas e já conte com projetos bem sucedidos, o setor de IoT ainda enfrenta desafios para avançar no Brasil, incluindo formação profissional e o estabelecimento de um ecossistema local.

FCC, dos EUA, impõe ‘Lei das Antenas’ para acelerar redes 5G

Regra aprovada pelo regulador dos Estados Unidos prevê entre 60 e 90 dias como prazo máximo para licenças de instalação de equipamentos, em especial, para as small cells. Lá também há burocracia e o prazo de espera pode chegar a um ano. No Brasil, a situação não é diferente.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Desvende 10 mitos sobre os cartões biométricos

Por Cassio Batoni*

Como toda nova tecnologia, os questionamentos sobre a sua segurança e e a sua confiabilidade ainda existem e são compreensíveis, mas ela veio para ficar. A impressão digital surge como a confirmação principal de que o usuário é quem diz ser.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site