Home - Convergência Digital

Rio vai cobrar 1% das corridas de Uber, Cabify e demais apps

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 27/04/2018

A prefeitura do Rio de Janeiro va cobrar 1% das corridas feitas por aplicativos de transporte a partir de maio. A cobrança já tinha sido anunciada em decreto, mas o percentual foi agora decidido. Ele vai vigorar por pelo menos três meses e poderá ser alterado.

“Esse percentual será cobrado das empresas e corresponde ao direito de uso intensivo sistema viário urbano Rio”, disse a prefeitura, acrescentando que as empresas de aplicativos terão que informar dados ao governo municipal, como número de corridas e distância percorrida.

A cobrança vale para motoristas de aplicativos como Uber, Cabify, 99 e outros, mas não vai incidir sobre o aplicativo criado pela própria prefeitura para os taxistas, o Taxi.rio.

A estimativa é que o Rio arrecade cerca de R$ 40 milhões por ano com a cobrança, a ser destinada à educação do trânsito e manutenção de vias. Em todo o estado do Rio de Janeiro os aplicativos contam com cerca ce 150 mil motoristas cadastrados.

* Com informações da Reuters

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

07/02/2019
Anatel terá app para comparação de preços, mas ele só fica pronto em 2020

30/01/2019
Bradesco viabiliza aluguel de carro pelo aplicativo

24/01/2019
Easy Taxi e Cabify unem operações para brigar com Uber e 99

23/01/2019
Telegram ignora Fake News e aumenta número máximo de pessoas em grupo

22/01/2019
Depois dos táxis, Uber enfrenta,agora, a ira das empresas de ônibus

18/01/2019
Brasileiro usa cerca de 30 aplicativos nos smartphones

16/01/2019
Nova licitação do TaxiGov abre portas para apps e locadoras de veículos

20/12/2018
Aplicativo e drone auxiliam no combate ao desmatamento no Amapá

13/12/2018
Justiça manda Uber entregar dados de passageiro a motorista

10/12/2018
STF: Relatores dizem que é inconstitucional barrar apps de transporte

Destaques
Destaques

IDC: Empresas brasileiras fazem mais do que falam sobre Internet das Coisas

A indefinição regulatória pesa, assim como a tributária, mas muitas corporações estão colocando os seus projetos na rua, diz Pietro Delai, gerente de consultoria e pesquisa da consultoria. No Brasil, negócios de IoT devem movimentar US$ 9 bilhões em 2019, ou R$ 30 bilhões.

Projeto de inovação usa 4G em 450 Mhz para Internet das Coisas

Seis startups foram selecionadas para iniciativa Agro IoT Lab 2018, voltada para a transformação digital do agronegócio, da Vivo, Raízen e Ericsson.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Desvende 10 mitos sobre os cartões biométricos

Por Cassio Batoni*

Como toda nova tecnologia, os questionamentos sobre a sua segurança e e a sua confiabilidade ainda existem e são compreensíveis, mas ela veio para ficar. A impressão digital surge como a confirmação principal de que o usuário é quem diz ser.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site