SEGURANÇA

NIC.br contrata plataforma para proteger centro de operações de ataques DDOs

Convergência Digital ... 18/04/2018 ... Convergência Digital

O Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), responsável por implementar as decisões e projetos do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) contratou a plataforma SP, da NETSCOUT Systems, para fortalecer a capacidade de defesa do seu Centro de Operações de Rede, protegendo sua infraestrutura contra os ataques de negação de serviço, ou DDoS (Distributed Denial of Service). Em 2017, o Brasil foi o quinto país mais visado por ataques DDoS. Esse quadro levou o NIC.br a tomar medidas proativas para aprimorar a capacidade de detecção e mitigação de ameaças, com o objetivo de assegurar a disponibilidade de seus recursos de rede.

A plataforma NETSCOUT Arbor SP oferece recursos abrangentes de visibilidade e geração de relatórios para que o NIC.br possa detectar e entender as ameaças à disponibilidade de seus recursos de rede, além de aprimorar a engenharia de tráfego, os relacionamentos de peering e o desempenho de serviços. Componente essencial da solução SP, o sistema de gerenciamento de ameaças, TMS (Threat Management System), remove cirurgicamente o tráfego de ataque da rede sem interromper seus serviços essenciais.

“Foi um projeto cuidadosamente pensado para reforçar nossa capacidade de resistência em um cenário de ataque”, diz o Gerente de Sistemas do NIC.br, Marcelo Gardini. “Hoje, quem quer que esteja conectado à Internet irá sofrer um ataque. Não se trata de ser ou não ser atacado. O ataque vai acontecer, e você deve estar preparado. Com a implementação da solução NETSCOUT Arbor, podemos realizar a mitigação de forma mais simples e automatizada. Várias técnicas de mitigação que utilizamos, estão agora integradas em uma única interface e uma única ferramenta”.

“É certamente uma honra ter nossa solução escolhida pela equipe altamente profissional do NIC.br. O time do NIC.br hoje domina todos os aspectos de nossa solução, conseguindo utilizar todos os recursos que oferece como ferramenta de proteção para reforçar a capacidade de resistência de seu NOC (Network Operations Center) e manter sempre disponível a sua rede”, completou Geraldo Guazzelli, country manager da NETSCOUT Arbor no Brasil.


Soluções de Segurança para a Sociedade
Não delegue a segurança cibernética apenas para a TI

Para mitigar os riscos com ataques hackers, toda a corporação precisa se unir, adverte Jun Goto, vice-presidente Sênior da NEC Corporation.

Mutação do Wannacry determina novo alerta à Segurança da Informação

Variante do ransomware - que parou várias empresas em 2017 - causou estragos na Taiwan Semiconductor Manufacturing (TSMC), fabricante de chips e fornecedora da Apple. Orientação dos especialistas é cuidar da atualização dos sistemas.

Custo de dado roubado ou perdido no Brasil fica, em média, em R$ 268

Levantamento apura ainda que o tempo médio para conter uma violação de dados no Brasil está em 100 dias. Já o tempo para identificar a violação dos dados caiu de 250 dias para 240 dias.

Bancos ingleses têm três meses para mostrar planos de segurança cibernética

No Brasil, resolução do Banco Central, de abril deste 2018, deu um ano para que as instituições financeiras aprovem políticas de segurança e planos de resposta a incidentes.

Malware mineradores de criptomoedas crescem 629% no 1º trimestre

Relatório de segurança mostar que os hackers invadiram o mundo das bitcoins sequestrando os navegadores das vítimas ou infectando seus sistemas para minerar criptomoedas legítimas. Amostras recolhidas chegaram a 2,9 milhões nos três primeiros meses do ano.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G