Home - Convergência Digital

TIM fecha com agroindústria e leva 4G para o campo

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 05/04/2018

A TIM assinou nesta quinta-feira, 05/04, o seu primeiro projeto "4G TIM no Campo", na cidade de Goianésia, localizada em Goiás. A iniciativa se deu em parceria com a empresa Jalles Machado, agroindústria referência no setor sucroenergético nacional, e foi intermediada pela Associação Pró-Desenvolvimento Industrial do Estado de Goiás (Adial).

O projeto visa utilizar a tecnologia móvel 4G para "iluminar" o campo com o objetivo de melhorar e dar agilidade nos processos de produção da companhia. Além de substituir os apontamentos manuais por apontamentos online, a parceria prevê melhorar a comunicação entre escritório e campo, bem como fazer com que os computadores de bordo das máquinas agrícolas gerem informações em tempo real.

"Estamos bastante otimistas com essa parceria inédita de cobertura 4G TIM no campo. O Brasil tem um riquíssimo setor de agronegócio e poder levar tecnologia e inovação para este segmento é de extremo ganho para o sistema produtivo das empresas e da população. Estamos trabalhando fortemente para que o conceito de Agricultura 4.0 se torne uma realidade em diversas regiões do nosso país", explica Paulo Humberto Gouvêa, Diretor de Top Clients Solutions da TIM Brasil.

Para este projeto, a TIM forneceu todo o sistema de comunicação de dispositivos móveis, além de investimentos em infraestrutura de rede na região, com o objetivo de contornar um dos principais desafios das agroindústrias que é dificuldade de comunicação entre o campo e o escritório. A parceria trará rapidez no fluxo de informação, bem como no contato entre os funcionários, além de promover uma abrangência total de sinal nas áreas agrícolas das duas unidades da empresa.

"Temos colhedoras, tratores e equipamentos com alta tecnologia, mas que nem sempre podemos utilizá-la devido à falta de sinal no campo. A TIM é a primeira operadora a desenvolver um produto específico para atender às necessidades do agronegócio. Estamos muito animados com essa parceria firmada por meio do Clube de Compras da Adial, que, com ações como essa, busca fortalecer o setor industrial goiano", afirma Otávio Lage de Siqueira Filho, diretor-presidente da Jalles Machado.

Ao todo serão fornecidos 812 smartphones e 1006 linhas corporativas, sendo 650 smartphones para apontamentos no campo. O projeto faz parte da estratégia da TIM de levar conectividades e soluções inovadoras às mais variadas regiões do país, sempre atenta às necessidades das empresas de médio e grande porte, independentemente de sua localidade. A operadora é líder na cobertura 4G do país, presente em mais de três mil cidades. A expectativa é de que chegue a quatro mil cidades até 2020, alcançando 96% da população esteja coberta com a tecnologia de quarta geração.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

22/03/2019
4G já é a tecnologia de 4 bilhões de conexões móveis

19/03/2019
Velocidade de download 4G oscila em todas as teles no Brasil

18/03/2019
TIM ativa rede NB-IoT com alcance de 100 Km em Goianésia, interior de Goiás

13/03/2019
América Latina avança no uso de redes 4G com capacidades acima de 1 Gbps

11/03/2019
4G da Oi leva Internet e comunicação à estação brasileira da Antártica

21/02/2019
Anatel multa Oi por segurar R$ 8 milhões da TIM por um ano

21/02/2019
TIM projeta investir R$ 12,5 bilhões entre 2019 e 2021

20/02/2019
TIM quer leilão 5G o quanto antes e rede legada única para o 2G

20/02/2019
TIM: concorrência no pré-pago não está saudável no Brasil

20/02/2019
‘Horário nobre’ derruba velocidade da internet móvel pela metade no Brasil

Destaques
Destaques

Para Ericsson, 5G vai fazer acontecer, de verdade, a indústria 4.0

Presidente da fabricante para a América do Sul, Eduardo Ricotta, diz que uma operadora com 50 Mhz a 80 Mhz terá espectro para oferecer bons serviços, especialmente, o da banda larga fixa móvel. "Há cidades no Brasil, com menos de 100 mil habitantes, com conexões de 2 Mbits. O 5G vai chegar oferecendo bem mais", observa.

5G vai gerar 15 milhões de novos empregos até 2025

O ecossistema 5G está em ebulição e demandará muita mão de obra, afirma o diretor da Huawei, Carlos Roseiro. Segundo ele, vão surgir aplicações, muitas ainda inimagináveis, nos próximos seis anos. "O 5G começa hoje. A frequência virá para dar mais capacidade", observa o especialista.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Desvende 10 mitos sobre os cartões biométricos

Por Cassio Batoni*

Como toda nova tecnologia, os questionamentos sobre a sua segurança e e a sua confiabilidade ainda existem e são compreensíveis, mas ela veio para ficar. A impressão digital surge como a confirmação principal de que o usuário é quem diz ser.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site