INTERNET

Washington desafia governo Trump e cria lei para manter neutralidade de rede

Convergência Digital* ... 06/03/2018 ... Convergência Digital

O estado norte-americano de Washington é a primeira unidade federativa dos Estados Unidos a editar uma legislação regional para garantir a neutralidade de rede, princípio da internet que impede que provedores controlem o acesso de usuários à internet. O governador democrata, Jay Inslee, assinou nesta segunda-feira, 05/03, a lei para impedir que empresas que vendem conexão possam:

bloquear conteúdos de aplicativos e serviços conectados;
desacelerar a velocidade dessas plataformas ou;
priorizar o tráfego de empresas que paguem para seu serviço furar a fila.

“Hoje nós fizemos história. Washington será o primeiro estado na nação a preservar a internet aberta com nossa própria lei de neutralidade de rede”, afirmou Inslee, no Twitter. A lei é editada após o governo federal derrubar as regras que garantiam o tratamento igualitário a serviços na internet. Isso permitiu que provedores de rede passassem a tratar de forma diferente serviços conectados.

O “fim” da neutralidade de rede da internet ocorreu com uma decisão da Comissão Federal das Comunicações dos EUA (FCC, na sigla em inglês), tomada em dezembro de 2017.
Na prática, a neutralidade de rede garante, por exemplo, que mensagens enviadas pelo WhatsApp tenham prioridade equivalente aos dados enviados pelo Netflix durante a exibição de um filme.

Ou seja, nenhum pacote, seja lá de que serviço for, pode furar a fila. Sem isso, um serviço pode pagar para furar a fila. Nesse cenário, quem tiver maior poder financeiro para custear vias livres de pedágios poderá se sair melhor diante dos consumidores. É essa possibilidade que Ansip criticou.

Na ordem em que derrubou as garantias à neutralidade de rede, a FCC afirmou que leis estaduais poderiam criar confusão com as regras federais. O ordenamento jurídico dos EUA, no entanto, permite que estados criem suas próprias regulamentações sobre as telecomunicações. Em entrevista à Associated Press, o governador de Washington ecoou esse sentimento.

“Os estados tem todo o direito de proteger seus cidadãos”, afirmou Inslee. As novas regras que derrubaram a neutralidade de rede nos EUA passam a valer a partir de 23 de abrir. Já as leis estaduais editadas em Washington entram em vigor em 6 de junho.

*Com o portal G1


Dados de 2,4 milhões de brasileiros no SUS teriam vazados. Governo nega

Hacker teria encontrado brecha para divulgar informações do CadSUS, que é o Sistema de Cadastramento de usuários do Sistema Único de Saúde brasileiro (SUS). Ministério da Saúde descarta vazamento, mas encaminhou denúncia à Polícia Federal.

Sérgio Moro cria conta no twitter para “explicar propostas” da Justiça

“Quero explicar aqui o projeto de lei anticrime, além das medidas executivas em andamento do Ministério”, tuitou o ministro, ressaltando que “este twitter é meu mesmo”.

Provedores SCM encostam na Vivo na banda larga fixa

As PPPs fecharam fevereiro com 24,46% do mercado nacional, ou 7,65 milhões de contratos ativos. A Claro segue na liderança com 30,03% do mercado.

2018 foi o ano de consolidação de FTTH na América Latina

Mas para que o uso da fibra óptica continue crescendo serão necessárias ações regulatórias de fomento à banda larga, novas arquiteturas e o uso de novas tecnologias de FTTH, observou o presidente da Fiber Broadband Association, Eduardo Jedruch.

Estudo da Google mostra falta de habilidade dos brasileiros na internet

Embora dominem aspectos básicos como navegação e uso de aplicativos, os brasileiros têm dificuldades com comandos de voz, configurações, dados na nuvem e transações online.

Revista Abranet 26 . nov-dez 2018 / jan 2019
Veja a Revista Abranet nº 26 Estudo da Abranet revela a existência de um universo díspar entre os prestadores, o que impõe desafios à regulamentação mínima necessária para manter o mercado estruturado e o limite aceitável para a sobrevivência das empresas.
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G