Convergência Digital - Home

Multicloud exige data centers públicos em nuvem

Convergência Digital
Convergência Digital* - 19/02/2018

Os aplicativos de consumo e os de negócios estão contribuindo para o crescente domínio de serviços na nuvem pela Internet. Para os consumidores, streaming de vídeo, redes sociais e buscas estão entre as aplicações de nuvem mais populares. Para os usuários empresariais, o Sistema de Gestão Empresarial (ERP, na sigla em inglês), a colaboração, a análise analítica e outras aplicações empresariais digitais representam as principais áreas de crescimento, revela a sétima edição do Cisco® Global Cloud Index (2016-2021).

Impulsionado pelo crescimento das aplicações em nuvem, o tráfego dos data centers está crescendo rapidamente, reporta ainda a pesquisa. O levantamento projeta que o tráfego global de data center em nuvem alcance 19,5 zettabytes (ZB) por ano até 2021, um aumento em relação a 6.0 ZB por ano em 2016 (crescimento de 3,3 vezes ou uma taxa de crescimento anual composta de 27% [CAGR, na sigla em inglês] de 2016 a 2021). Globalmente, o tráfego de data center em nuvem representará 95% do tráfego total de data centers até 2021, em comparação com 88% em 2016.

A pesquisa aponta ainda que a crescente necessidade de recursos de data centers e nuvem levou ao desenvolvimento de data centers públicos em nuvem em larga escala, chamados de data centers de hiperescala. Na previsão deste ano, a expectativa é que, até 2021, haja 628 data centers de hiperescala globalmente, em comparação com 338 em 2016, crescimento de 1,9 vezes ou quase que o dobro ao longo do período de previsão. Em 2021, os data centers de hiperescala apoiarão:

53% de todos os servidores de data centers (27% em 2016)
69% de todo o poder de processamento do data center (41% em 2016)
65% de todos os dados armazenados em data centers (51% em 2016)
55% do tráfego de data centers (39% em 2016)

"O crescimento de aplicações de data centers claramente está aumentando neste novo mundo multicloud. Este crescimento projetado exigirá novas inovações, especialmente nas áreas de nuvens públicas, privadas e híbridas ", explica Kip Compton, vice-presidente do Grupo de Soluções e Plataforma de Nuvem da Cisco.

Outros destaques do Global Cloud Index e Principais Projeções:

Até 2021, 94% das cargas de trabalho e instâncias de computação serão processadas pelos data centers em nuvem; 6% serão processados por data centers tradicionais.

As cargas de trabalho de data centers e as instâncias computacionais globais mais do que dobrarão (2,3 vezes) de 2016 a 2021; no entanto, as cargas de trabalho e as instâncias de computação na nuvem quase que triplicarão (2,7 vezes) durante o mesmo período.

A densidade da carga de trabalho e das instâncias de computação para data centers em nuvem foi de 8,8 em 2016 e crescerá para 13,2 até 2021. Comparativamente, para os data centers tradicionais, a carga de trabalho e a densidade das instâncias de computação foi de 2,4 em 2016 e passará para 3,8 até 2021.

*Com informações da Cisco



Destaques
Destaques

Metade das empresas no Brasil não confia na própria análise dos dados

Levantamento da Serasa Experian mostra ainda que 42% das companhias brasileiras admitem perder dinheiro com a má qualidade das informações. Má governança é vista como um desafio a ser superado. O mais grave: mais de 70% destão sem estratégia para superar essa etapa.

Dataprev vai comprar Inteligência Artificial e exige uso da nuvem pública

Estatal de TI não revela o montante a ser pago, mas diz que contrato será de 24 meses e inclui capacitação técnica dos funcionários, no modelo de serviços por demanda. Propostas devem ser enviadas até o dia 20 de julho.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Transformação digital exige eficiência no gerenciamento

Por Luiz Fernando Souza*

Prevenir é sempre melhor do que remediar. Essa é uma máxima que precisa ser aplicada à transformação digital, e vale quando falamos da gestão dos servidores. E as razões são simples: é menos sofrido, menos dolorido e mais barato manter uma rotina de trabalho focada na manutenção, preservando com inteligência dados e sistemas.

Jornada para a nuvem: evite as armadilhas e faça a coisa certa

Por Fábio Kuhl*

Até bem pouco tempo, a nuvem era inovação, hoje me arrisco a dizer que, em breve, uma commodity.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site