Home - Convergência Digital

Anatel avalia destinar faixa de 3,5 GHz para 5G

Convergência Digital - Carreira
Luiz Queiroz* - 08/02/2018

A Anatel já começou a discutir internamente planos para o 5G no Brasil. Segundo o presidente da agência, Juarez Quadros, uma das possibilidades é destinar a faixa de 3,5 GHz para a nova tecnologia. Mas que também aguarda uma decisão internacional. 

“Já começa a discussão sobre o 5G. E falta definir as frequências para essa quinta onda. No mundo inteiro há trabalho à respeito. No momento estão sendo feitas experiências e ainda falta a UIT definir”, apontou Quadros em entrevista ao Portal Convergência Digital. 

“Temos aqui uma frequência de 3,5 GHz, que é propícia, mas também temos a expectativa de trabalhar com a frequência de 28 GHz, que está em discussão e em trabalhos de harmonização da UIT. Em nível internacional ela ainda não está padronizada”, lembrou. Assistam a entrevista com o presidente da Anatel, Juarez Quadros.

*Colaborou Luis Osvaldo Grossmann

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

12/12/2018
Novo regulamento prevê multa virar rede em qualquer lugar do país

12/12/2018
Anatel aprova redução de 0,4% na tarifa fixo-móvel

12/12/2018
Indústria móvel pressiona por faixas de 26GHz, 40 GHz e 66-71 GHz para o 5G

11/12/2018
Presidente da Anatel adverte sobre o desserviço de desprestigiar a agência

11/12/2018
Anatel recebeu 254,8 mil reclamações em outubro

11/12/2018
Pós-TACs, Anatel acena com multas como ‘obrigação de fazer’

11/12/2018
Preocupação com parabólicas não pode excluir Brasil do 5G

10/12/2018
Anatel apreende cerca de R$ 1,2 milhão em operação contra produtos piratas

09/12/2018
"O mundo precisa comprar a ideia do 5G nas áreas remotas"

09/12/2018
Japão terá aplicações reais de 5G nas Olimpíadas de 2020

Destaques
Destaques

5G exige pelo menos 100 MHz para cada operadora no Brasil

O tema preocupa a coordenação de espectro do 5G Brasil, uma vez que foram destinados 300 MHz na faixa intermediária e há quatro operadoras nacionais.

Segurança cibernética é crítica para o avanço do 5G

O tema é considerado polêmico - até em função das questões políticas que o envolvem como a briga China x EUA -, mas precisa ser debatido, observa Gustavo Correa Lima, engenheiro do CPqD.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Desvende 10 mitos sobre os cartões biométricos

Por Cassio Batoni*

Como toda nova tecnologia, os questionamentos sobre a sua segurança e e a sua confiabilidade ainda existem e são compreensíveis, mas ela veio para ficar. A impressão digital surge como a confirmação principal de que o usuário é quem diz ser.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site