INTERNET

Anatel adia por mais 120 dias análise sobre franquia na banda larga fixa

Luís Osvaldo Grossmann ... 09/11/2017 ... Convergência Digital

Um ano e meio depois da medida cautelar que proíbe as operadoras de adotar limite de uso de dados nas conexões fixas à internet, a Anatel aprovou mais 120 dias de prazo para chegar a uma conclusão sobre o assunto. Segundo o relator do tema na agência, Otávio Rodrigues, o volume de contribuições na consulta pública foi muito grande. 

“Durante a etapa de contribuições prévias, encerrada em 30 de abril de 2017, foram recebidos milhares de comentários da sociedade em geral. Somente na plataforma Diálogo Anatel, foram criados mais de 2.800 tópicos de discussão e anexados mais de 230 arquivos. Além disso, há cerca de 30 manifestações recebidas por carta por meio do Sistema Eletrônico de Informações”, sustentou a área técnica ao propor o adiamento. “Foram mais de 4 mil comentários”, disse o conselheiro Otávio Rodrigues. 

O tema ganhou grande dimensão pública ainda no início de 2016, quando a Telefônica/Vivo inaugurou a prática de suspender as conexões ao fim das franquias contratadas também na banda larga fixa – a prática já era corrente nos acessos móveis à internet. Em questão de dias, um abaixo assinado online contra a prática reuniu mais de 1 milhão de assinaturas. E a Anatel, que num primeiro momento viu apenas um movimento natural do mercado, recuou e baixou uma medida cautelar que até hoje impede as teles de adotarem o corte dos acessos ao fim das franquias. 


Assespro diz que Marco Civil da Internet já prevê acesso a dados de datacenters no exterior

Ao explicar a ação que move no STF ao Comitê Gestor da Internet, Assespro Nacional sustentou que em casos de pedofilia e ameaças à vida troca de informações com Judiciário é automática.

Internet Society: Empresas, não peçam desculpas. Cuidem dos nossos dados pessoais

Em carta aberta, a entidade se mostra desapontada, mas não surpresa com a violação dos dados de usuários do Facebook pela Cambridge Analytics."O que aconteceu é resultado do modelo econômico onde se colocam os interesses comerciais em primeiro lugar".

Booking, Decolar e Expedia fecham acordo com o CADE para terminar cartel de preços

Agências renunciaram à atual política de cláusula de paridade de preços e condições imposta a hotéis que ofertam acomodações em suas plataformas. Processo começou em 2016.

Justiça do Rio manda YouTube retirar 16 vídeos que difamam memória de Marielle Franco

Vídeos têm de ser retirados em 72 horas, além de multa de R$1 mil por dia em caso de descumprimento.

BNDES lança chamada para financiamento de IoT para saúde em abril

Iniciativa é a primeira resultante do Plano Nacional de Internet das Coisas. Ainda não há valores definidos para este chamamento, mas Finep tem R$ 3 bilhões para IoT.

Revista Abranet 23 . dez 2017 - jan/fev 2018
Veja a Revista Abranet nº 23 Qual é a fórmula do sucesso? Boas práticas aplicadas por corporações bem-sucedidas sugerem um caminho a seguir. Entrevista com Tadao Takahashi. Discussão sobre a lei de proteção de dados avança. E mais.
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G