Home - Convergência Digital

Broadcom confirma oferta hostil de US$ 130 bi pela Qualcomm

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 06/11/2017

A fabricante de chips de comunicações Broadcom fez uma oferta hostil para comprar a rial Qualcomm por 70 dólares por ação, ou 103 bilhões de dólares em dinheiro e ações, no que seria a maior aquisição de tecnologia de todos os tempos. A Qualcomm ainda não se pronunciou oficialmente. Um acordo combinaria duas das maiores fabricantes de chips de comunicações de telefonia móvel e elevaria as apostas para a Intel, que vem diversificando seu forte portfólio de computadores para a tecnologia em celulares.

A oferta da Broadcom embute prêmio de 27,6 por cento em relação ao preço de fechamento da Qualcomm na quinta-feira passada, de 54,84 dólares, um dia antes de notícias sobre um potencial acordo de compra das ações da empresa. A Broadcom diz que quer com a aquisição por um ponto final nas disputas entre a Qualcomm e a Apple.

Mas a proposta de aquisição hostil tem, é claro, o potencial financeiro do 5G. Segundo o estudo "The 5G Economy", comissionado pela própria Qualcomm, a quinta geração de redes móveis deverá gerar receitas de até US$ 3,5 trilhões e produzir até US$ 12,3 trilhões em bens e serviços até 2035. A briga com a Apple se arrasta desde que a rival recusou um contrato da fabricante de chips que previa uma porcentagem por cada iPhone vendido para a Qualcomm.

Em resposta, a Qualcomm tentou proibir a venda de iPhones em terrotório chinês até que a Apple aceitasse os termos de licenciamento de processadores, exigência que a Maçã considerou abusiva e injusta. Rumores dão conta ainda que a Apple estaria com planos para abandonar de vez a parceria com a Qualcomm já em 2018, com o intuito de iniciar novas negociações com outras empresas concorrentes, como a Intel e a MediaTek.

*Com agências de notícias

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

17/10/2018
Ericsson: quem tem de autorizar instalação de antena é a Anatel

17/10/2018
Ericsson: cidades vão ser elementos vivos conectados

17/10/2018
Satélite e fibra óptica vão ter de se harmonizar pelo 5G

17/10/2018
Para CTO da TIM, sem antenas, 5G não vai sair do discurso no Brasil

16/10/2018
Claro terá rede 100% pronta para IoT até meados de 2019

16/10/2018
TIM: virtualização de 21 datacenters está feita e prepara rede 5G no Brasil

15/10/2018
5G chega no Brasil sem a resolução dos problemas do 4G, adverte a Ovum

15/10/2018
Brasil fecha com a faixa 26 GHz para 5G e vai liberar a faixa de 1,5 GHz

10/10/2018
Deutsche Telekom: smartphones são a pedra do 5G

03/10/2018
Itália arrecada R$ 29 bilhões em primeiro leilão 5G

Destaques
Destaques

FCC, dos EUA, impõe ‘Lei das Antenas’ para acelerar redes 5G

Regra aprovada pelo regulador dos Estados Unidos prevê entre 60 e 90 dias como prazo máximo para licenças de instalação de equipamentos, em especial, para as small cells. Lá também há burocracia e o prazo de espera pode chegar a um ano. No Brasil, a situação não é diferente.

BNDES recebe 54 projetos de IoT e selecionados terão apoio de R$ 30 milhões

São 23 projetos que propõem soluções de Internet das Coisas para cidades, 17 para saúde e 14 para campo. Juntos, envolvem investimentos de R$ 360 milhões. Banco vai selecionar, até outubro, as empresas que vão receber empréstimos não reembolsáveis.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Desvende 10 mitos sobre os cartões biométricos

Por Cassio Batoni*

Como toda nova tecnologia, os questionamentos sobre a sua segurança e e a sua confiabilidade ainda existem e são compreensíveis, mas ela veio para ficar. A impressão digital surge como a confirmação principal de que o usuário é quem diz ser.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site