Home - Convergência Digital

Solução integrada com facebook messenger vence hackathon do Serpro

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 19/12/2016

A desinformação do cidadão sobre os seus direitos foi o ponto de partida para a ideia vencedora do Hackathon Serpro, maratona de 30 horas de programação promovida pela maior empresa de TI do governo federal nos dias 16, 17 e 18 de dezembro. A dupla formada pelos estudantes do curso de Engenharia de Software da Universidade de Brasília (UnB), Ludimila Cruz e Marcelo Cristiano Araújo, são moradores do Gama, no Distrito Federal, e receberam o prêmio de R$ 6 mil.

A solução apresentada pela dupla trouxe uma interface integrada com o Facebook Messenger e banco de dados trazido do Código de Defesa do Consumidor e informações do perfil da rede social do Senado Federal, feito ainda com alimentação manual.

Eles criaram um chatbot – robô que simula um ser humano na conversação com usuários – para, como eles disseram "traduzir o juridiquês" dos códigos brasileiros e levar para o cidadão comum informações sobre seus direitos fundamentais, como por exemplo, que uma empresa de cartão de crédito pode ser denunciada para o Banco Central ou que é permitido entrar no cinema com comida.

O segundo lugar ficou com a equipe Cognitive Solutions, também do DF, formada por André Estuqui, Michael Rodrigues, Glauber Pereira e Luiz Geraldo Medeiros. Eles receberam o prêmio de R$ 4 mil pela ideia "Robocon", um assistente virtual para o Instituto de Defesa do Consumidor (Procon) que realiza consultas e encaminha um modelo de petição para o caso de abertura de reparação de pequenas causas.

A Rocket.Chat, do Rio Grande do Sul, ficou com o terceiro lugar e com o prêmio de R$ 2 mil. Uma equipe formada por Diego Aguilera, Rodrigo do Nascimento e Anderson dos Santos trouxe uma ferramenta que se propôs a ser uma evolução na relação com o governo através da linguagem. Eles apresentaram uma proposta de interação a partir do portal do Ministério da Educação, com informações do Portal de Serviços do governo federal.

As outras equipes, TeamRecife, Big Bird e Govy trouxeram, respectivamente, soluções voltadas para o microempreendedor, um sistema para o Portal do Consumidor e uma ferramenta que tira dúvidas nas declarações do imposto de renda. Todos os programas serão disponibilizados para o público no portal para desenvolvedores GitHub.

O desafio para todos foi o de criar robôs utilizando código aberto, tendo como foco a prestação de serviços e informações ao cidadão, e podendo utilizar dados abertos do governo. Uma comissão julgadora formada por seis membros de startups, do Serpro e da UnB avaliaram os trabalhos desenvolvidos pelos participantes com base em critérios de inovação, usabilidade, design, funcionalidade, uso de recursos tecnológicos e adequação ao tema. Outras informações na página hackathon.serpro.gov.br.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Quatro lições para dar coragem e autonomia às pessoas

Por Amanda Matos Cavalcante*

As pessoas são os principais e mais importantes ativos de uma corporação.

Destaques
Destaques

Profissional do futuro é um análogo do canivete suíço

Esse especialista terá de reunir capacidades polivalentes, diz o consultor Marcos Semola. O especialista também decreta: O RH que pensa na caixinha está morto.

Reforma trabalhista: Não haverá contrato novo ou velho

“Se não, muitos empresários poderiam dispensar os trabalhadores da ‘lei velha’ e contratar outros com contrato novo, pela ‘lei nova’. Para não haver esse perigo, a lei aplica-se a todos os contratos em vigor no Brasil”, explica o Juiz do Trabalho, Marlos Melek.

BI, big data e cientista de dados: salários entre R$ 12 mil a R$ 30 mil no Brasil

Pesquisa revela que corporações brasileiras buscam especialistas nessas áreas para conduzir seus negócios.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site