INCLUSÃO DIGITAL

Se não usar o FUST para a banda larga, governo vai enfrentar a Justiça

Ana Paula Lobo e Rodrigo dos Santos* ... 14/11/2016 ... Convergência Digital

Até dezembro, o novo plano nacional de Banda Larga será divulgado pelo governo, revelou o diretor do departamento de banda larga da secretaria de Telecomunicações do MCTIC, Artur Coimbra, ao participar do IX Seminário TelComp, realizado no dia 08/11, em São Paulo.

"Ele (o plano banda larga) vai priorizar levar a cobertura de telefonia móvel para cerca de 2 mil municípios que ainda não têm o serviço", disse Coimbra. "Vamos lidar entre o factível e o ideal. Precisamos de instrumentos mais republicanos e duradouros para resolver os problemas de longo prazo. E digo: Não há como abrir mão do FUST e já avisamos às autoridades econômicas", completou o executivo do MCTIC.

Coimbra deixou claro que com a mudança de concessão para autorização, com o avanço do PL 3453 no Congresso Nacional, não haverá como o Estado impor metas às operadoras. E mais: O FUST corre o risco de ser questionado judicialmente, uma vez que não será mais uma concessão pública e as teles podem se negar a fazer a contribuição.

"O melhor a fazer é destinar o FUST para a sua destinação real". Coimbra também falou sobre o banda larga nas escolas. "A velocidade é muito baixa e precisa mudar e há um plano sendo desenhado com o Ministério da Educação". Assistam a apresentação.


Carreira
Empresa do setor imobiliário abre 100 vagas para Tecnologia em São Paulo

Entre os profissionais buscados estão cientistas de dados, engenheiros de dados, engenheiro de software, engenheiro para Android e iOS, entre outros. O processo seletivo é baseado em triagem de currículo, entrevistas com a área de Gente e Gestão, pares e líderes.

Google Station é plataforma de monetização para Programa WiFi Livre SP

Empresa firmou parceria com América Net e Linktel, com patrocínio do Itaú, e já conta com 80 hotspots distribuídos na capital de São Paulo.

Pressão do TCU dobra ganhos da Telebras no contrato com Viasat

Em renegociação forçada pela Tribunal de Contas, o resultado inicialmente estimado em R$ 203 milhões foi turbinado em mais R$ 222 milhões com o acordo de uso da capacidade do satélite nacional para venda de acesso a internet.

TV Digital: Com parecer pró-TVs, Anatel acena com recursos para banda larga

Disputa pelos R4 3,6 bilhões acontecia entre TVs e Teles. Com saldo, haverá dinheiro para os demais projetos, afirma o presidente do Gired, conselheiro Moisés Moreira.

Infovias compartilhadas são estratégicas para ampliar a banda larga

Governo costura uma agenda de ações para massificar o acesso à conectividade no Brasil, entre elas está a revisão do fomento para as cidades inteligentes, revela o secretário de Telecomunicações do MCTIC, Vitor Menezes. Política governamental será debatida no Brasscom TecFórum, que acontece nos dias 24 e 25 de abril, em Brasília.

Embratel instala 15 mil novos hotspots gratuitos de Wi-Fi em Pernambuco

Operadora explica que serão 12500 pontos Wi-Fi instalados em órgãos do governo do Estado e aproximadmente 3000 direcionados para praças e locais públicos. Iniciativa faz parte do programa Pernambuco Conectado, que tem investimentos previstos de R$ 180 milhões.

Para Cade, não houve abuso das teles em questionar contrato da Telebras

Estatal acusou Sindisat, Sinditelebrasil e a amazonense Via Direta de ligitância de má-fé nas disputas judiciais pelo uso do satélite nacional. Para órgão antitruste, aões não eram infundadas.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G