SEGURANÇA

Pessoas têm de ser o alvo da estratégia de Segurança Cibernética

Roberta Prescott ... 05/10/2016 ... Convergência Digital

As empresas ainda endereçam os ataques cibernéticos apenas pelo lado da tecnologia da informação em vez de trata-los de uma maneira holística, em um processo englobando desde recursos humanos até as políticas internas.

“É preciso fazer da segurança cibernética como parte da cultura, permeando toda empresa, afirmou Summer C. Fowler, diretora-técnica de risco e resiliência em segurança na computação no programa CERT do Instituto de Engenharia de Software da Universidade Carnegie Mellon, em entrevista em vídeo para o Convergência Digital.

Fowler destacou que ao traçar as políticas de segurança e de prevenção, as empresas devem levantar o que é mais crítico a elas e entender como a empresa pode ser afetada se algo der errado. A partir disto, elaborar um plano para endereçar os ataques.

De acordo com ela, o mais vulnerável tende ser as pessoas, que precisam ser engajadas à política de segurança e entender quais são seus responsabilidades na companhia. “Engenharia social é a ainda o método número um de ataques.” Assista à entrevista.


Soluções de Segurança para a Sociedade
Não delegue a segurança cibernética apenas para a TI

Para mitigar os riscos com ataques hackers, toda a corporação precisa se unir, adverte Jun Goto, vice-presidente Sênior da NEC Corporation.

Defesa nacional fará exercício de guerra cibernética com setores nuclear e financeiro

Exercício Guardião Cibernético envolverá Angra I e II, Nuclebrás, Banco Central, Bovespa e bancos privados.

Hackers repaginam golpe usando o Uber no Brasil

Campanha é antiga, mas ganhou nova roupagem para despertar o interesse do usuário com um suposto desconto de R$ 100 nos serviços do app de transporte.

Oi lança plataforma para mitigar ataques à rede de dados corporativa

Batizada de Gestão Integrada de Serviços, a plataforma permite o gerenciamento integrado de serviços e dá alertas de detecção de intrusos e registros de interações e informações trafegadas.

Google Play Store contém falsos aplicativos de segurança

O alerta foi dado pela ESET - empresa de segurança da informação, que analisou 35 aplicativos na loja oficial da empresa.



  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G