INTERNET

Ao STF, Polícia Federal não diz se WhatsApp tem como ‘grampear’ conversas

Luís Osvaldo Grossmann ... 14/09/2016 ... Convergência Digital

A Polícia Federal reforçou junto ao Supremo Tribunal Federal, a defesa de que o WhatsApp deve ser punido por desrespeitar decisões judiciais que determinaram ‘grampos’ em conversas de suspeitos de tráfico de drogas. Ao se manifestar na ADPF 430, porém, a PF sequer menciona a eventual capacidade técnica do aplicativo em atender as determinações. 

“Foi diante do quadro de desrespeito ao ordenamento jurídico brasileiro e a soberania nacional que foi proferida decisão que determinou a suspensão temporária do aplicativo WhatsApp”, diz documento firmado pelo diretor-geral da PF, Leandro Coimbra. 

A Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental 403 foi movida em maio pelo Partido Popular Socialista após a Justiça de Sergipe determinar o bloqueio do app. E acabou sendo o instrumento pelo qual o STF derrubou uma segunda ordem de bloqueio, desta vez pela Justiça do Rio de Janeiro. 

Os processos são muito parecidos e envolvem pedidos para que conversas de suspeitos de tráfico de drogas fossem ‘espelhadas’, de forma que a polícia pudesse ter acesso à troca de mensagens em tempo real das pessoas indicadas nas ações. 

Pelo menos no caso de Sergipe, o juiz Marcel Montalvão, da comarca de Lagarto, sustentou a decisão de bloquear o aplicativo citando o Informativo Técnico da Polícia Federal n. 31/2016-SRCC/DICOR/DPF. No documento, a polícia diz que o pedido não envolve o resgate de conversas armazenadas, mas sim o acesso em tempo real da troca de mensagens e indica que essa quebra da criptografia é possível. 

“Como a implantação da criptografia fim a fim foi incremental e considerando a implementação de clientes de terceiros encontrados na internet, há fortes indícios de que a criptografia fim a fim seja opcional e teoricamente poderia ser desabilitada mediante parâmetros configuráveis nos equipamentos servidores da empresa. Recursos adicionais como Whatsapp Web e o serviço de notificações teoricamente pode ser utilizados para permitir a duplicação das mensagens e posterior interceptação mediante ordem judicial.”

O documento ou sua argumentação, no entanto, não fazem parte das informações agora prestadas ao STF, cujo posicionamento de mérito será determinante para futuras ações no mesmo sentido envolvendo o Whatsapp. 


Revista Abranet 30 . fev-mar-abr 2020
Veja a Revista Abranet nº 30 A matéria de capa enfatiza a relevância do engajamento ao mostrar que uma internet mais segura depende da ação conjunta de todos os atores do ecossistema. Tratamos também do leilão das frequências do 5G. Veja a revista.
Clique aqui para ver outras edições

Isolamento social muda perfil e compras online focam em higiene e limpeza

Segundo levantamento da Compre&Confie, houve aumento das vendas de produtos relacionados à pandemia da Covid-19 e também de artigos para o lar. No primeiro trimestre, faturamento do comércio eletrônico cresceu 26,7%.

TJ de São Paulo libera intimação pelo WhatsApp

Exceção vale para medidas protetivas de urgências, desde que autorizadas no boletim de ocorrência.

Mesmo maioria, mulheres ganham menos que homens como influenciadoras digitais no Brasil

Pesquisa aponta que nos segmentos de tecnologia, as mulheres ganham, em média, metade do que os influenciadores masculinos. No Sudeste, disparidade média é de 33%. 

Coronavírus: Justiça do Recife celebra casamento por videochamada na Internet

Cerimônia foi realizada por uma chamada de vídeo por celular do juiz da 1ª Vara de Família e Registro Civil da Capital do Recife, Clicério Bezerra.

YouTube e Netflix aderem à redução de qualidade de vídeos no Brasil

YouTube vai passar vídeos apenas em resolução SD no País. Já a Netflix, vai repetir a estratégia da Europa: reduzirá em 25% a quantidade de dados trafegados.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G