INTERNET

Europa se mobiliza pela manutenção da neutralidade de rede

Luís Osvaldo Grossmann ... 18/07/2016 ... Convergência Digital

Termina nesta segunda-feira, 18/7, a consulta pública sobre a regulamentação das regras sobre acesso à internet na União Europeia e, segundo a campanha ‘savetheinternet.eu’, quase quinhentas mil pessoas enviaram manifestações no sentido de que a neutralidade de rede não seja flexibilizada, como querem as operadoras de telecomunicações na região. 

“Com uma inundação de mensagens defendendo a neutralidade de rede, esperamos que as orientações finais ofereçam uma clara interpretação de como lidar com ‘zero rating’, serviços especializados e gerenciamento de tráfego, e que as orientações garantam que possamos aproveitar da abertura que fez a internet uma gigantesca história de sucesso econômico e social”, defende a European Digital Rights, ou Edri, uma coalizão de ONGs em prol da neutralidade de rede. 

Em outubro do ano passado, a União Europeia aprovou nova legislação sobre o mercado comum digital, mas sem grandes compromissos com questões específicas: notadamente ‘zero rating’, gestão de redes e serviços especializados (o tratamento por lá foi de que os parlamentares decidiram não decidir). 

Agora, o Berec, o órgão que reúne os reguladores nacionais de comunicação eletrônica dos 28 países membros da UE, discute como as normas devem ser exercidas na prática. É o mesmo efeito do que no Brasil aconteceu com a regulamentação da Lei 12.965/14, o Marco Civil da Internet. As orientações do Berec serão conhecidas em 30 de agosto. 

Daí a ampla mobilização sobre o tema nas últimas semanas. Há 10 dias, as 17 principais teles europeias fizeram um manifesto no qual literalmente ameaçam reduzir investimentos no 5G caso a neutralidade de rede não seja flexibilizada. “As atuais diretrizes de neutralidade de rede criam incertezas significativas sobre o retorno dos investimentos em 5G (...). Investimentos serão adiados a não ser que os reguladores tomem uma posição positiva sobre a inovação”. 

Uma reação direta veio em uma carta assinada por expoentes da internet –  o ‘pai’ da Web Tim Berners Lee e os professores Lawrence Lessig e Barbara van Schewick. Nela, sustentam que “o público precisa dizer agora aos reguladores que fortaleçam as salvaguardas e não cedam à pressão das táticas manipuladoras das operadoras de telecomunicações”. 


Banda larga fixa: ISPs adicionam o dobro de novos acessos do que as teles

Foram 122 mil novos acessos de banda larga por parte dos provedores Internet. Já as teles, somadas, adicionaram 60 mil acessos no mês de junho.

Austrália proíbe servidor público de ‘curtir’ ou comentar contra o governo nas redes sociais

País criou um guia de conduta nas redes sociais com regras rigorosas. Uma delas exige que os funcionários públicos removam comentários desagradáveis, mesmo que de terceiros, ainda que naveguem fora de horário de trabalho. 

Banco Central adia regulamentação dos marketplaces

Autoridade Monetária atendeu pleito do setor varejista da Internet e deu mais tempo para a adequação às novas regras. De acordo com a FECOMÉRCIO/SP, pelo menos, 25 mil empresas seriam afetadas com a medida.

STJ diz que Facebook não é obrigado a fazer controle prévio das postagens

Para a ministra do Tribunal, Nancy Andrighi, exigir dos provedores de conteúdo o monitoramento das informações que veiculam “traria enorme retrocesso ao mundo virtual, a ponto de inviabilizar serviços que hoje estão amplamente difundidos no cotidiano de milhares de pessoas”.

ICANN dá vitória à Amazon na briga de domínio com os governos do Brasil e do Peru

Três anos depois de perder a primeira batalha, a provedora conseguiu uma revisão do processo na ICANN e recuperou o dominio .Amazon.

Revista Abranet 21 . junho/agosto 2017
Veja a Revista Abranet nº 21 Convenção Abranet 2017 reuniu provedores de Internet na Bahia para debater não apenas o mercado, mas também a atual situação do Brasil.
Veja também: Oportunidades no Wi-Fi; A revolução do blockchain; WannaCry para a Internet e muito mais.
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2017 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G