NEGÓCIOS

Uma em cada cinco empresas desenvolve software próprio no Brasil

Luís Osvaldo Grossmann ... 16/05/2016 ... Convergência Digital

Mais de uma em cada cinco empresas brasileiras (22%) desenvolve software próprios, indica a pesquisa TIC Empresas, divulgada nesta segunda-feira, 16/5, pelo Cetic.br. O estudo, com 7.076 firmas do país, também mostra que a grande maioria  (76%) contrata licenças de software, enquanto 52% utilizam programas com licença livre (open source). 

A pesquisa aponta que 43% das empresas possuem área ou departamento de tecnologia da informação (eram 39% em 2014). A prática se torna mais comum à medida que cresce o porte das companhias. Nas pequenas, com menos de 50 funcionários, pouco mais de um terço (36%) tem área de TI. Nas médias (50 a 249 pessoas), isso se dá em 66%. Nas grandes (mais de 250), em 91%. 

Ainda de acordo com a TIC Empresas, 70% das firmas atualizaram software em 2015, enquanto 31% adquiriram programas novos. Nos dois casos, as empresas entendem que isso melhorou o desempenho, seja na organização dos processos (80%), na produção de informações para tomada de decisões (74%) ou na integração e comunicação entre as áreas da empresa (71%).

Banda larga

A TIC Empresas mostra, ainda, que a velocidade das conexões vêm aumentando. Entre 2012 e 2015, a proporção de empresas brasileiras que afirmaram contratar planos com velocidades de até 1 Mbps passou de 19% para 8%, enquanto as que contrataram velocidades acima de 10 Mbps passou de 21% para 40% nesse mesmo período. 

“Esse movimento foi observado entre empresas de todos os portes”, diz a pesquisa. Entre os tipos de conexões, 70% das empresas respondeu contar com acesso via linha telefônica (xDSL), enquanto 64% indicaram usar conexões por cabo. Além disso, 6% das empresas se vale de acessos via satélite, enquanto 5% ainda contam com conexões discadas. 


Com a transformação digital, bancos assumem o desafio de reter o cliente

Líderes dos principais bancos do País destacam IoT, computação cognitiva e blockchain como fundamentais para o futuro do setor.

Consultoria brasileira Yaman firma parceria com a Tricentis por transformação digital e DevOps

Acordo entre as empresas permtiirá acelerar a fase de testes de software com uso de robôs.

Em 10 anos, faturamento e empregos em TI no Brasil crescem mais de 70%

Como mostra um raio-X feito pela Softex, TI avança quatro vezes mais rápido que o PIB e pode agregar mais US$ 70 bilhões à riqueza nacional com o desenvolvimento de competências digitais.

Hi Platform comprou a SamChat e movimenta mercado de chatbots no Brasil

Com uma carteira de 900 clientes, empresa passa a contar no portfólio com companhias como Marabraz, Brascol, entre outras. O valor da transação não foi revelado. Hi Platform espera um faturamento de R$ 47 milhões em 2019.


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G