TELECOM

Vivo 'mata' marca GVT no dia 15 de abril

Ana Paula Lobo* ... 29/02/2016 ... Convergência Digital

Em comunicado ao mercado, o CEO da Vivo, Amos Genish - que assumiu o comando da Telefonica/Vivo por conta do trabalho feito na GVT - informou que a marca GVT desaparece do mercado no dia 15 de abril, data que comemora o aniversário da atuação da Telefônica no Brasil. Boa parte das operações - do ponto de vista de rede já acontece, mas, agora, a unificação é para sistemas e marketing. A marca Vivo 'engole' a marca GVT, empresa comprada por 7,2 bilhões de euros em setembro de 2014.

Com a GVT, a Vivo ganha escala nacional e forte atuação nos mercados de banda larga fixa e TV por Assinatura. Os sites da GVT e Vivo já serão unificados a partir de 2 de abril. O cliente que precisar de suporte terá de ligar para 103 15 em vez de 103 25, e o código de longa distância da GVT (25) será substituído pelo da Vivo (15). Nada muda nos pacotes atualmente contratados: a Vivo afirmou que irá honrar todos os contratos firmados pela GVT. A Vivo encaminhou um comunicado oficial aos assinantes da GVT no final da semana passada.

Confira o comunicado oficial de Genish aos clientes:

Prezado cliente, como você já deve estar sabendo, a Vivo e a GVT estão se unindo. Desde maio de 2015, estamos trabalhando para aumentar ainda mais os nossos padrões de qualidade, serviços e benefícios exclusivos.

O próximo passo dessa união irá acontecer no dia 15 de abril. A partir desse dia, a marca GVT passa a se chamar Vivo. Com isso, unem-se a marca que oferece a maior cobertura de internet móvel com a que possui a melhor banda larga do Brasil. A marca que investe em tecnologia e inovação com a que oferece excelência em atendimento. A marca líder em clientes 4G com a primeira marca a oferecer canais HD para todos os clientes.

Você poderá ter móvel, internet, TV, fixo, aplicativos digitais e muito mais em uma única empresa, no Brasil inteiro. Em breve, enviaremos mais informações sobre fatura, canais de atendimento e todas as vantagens que vêm por aí. Você irá contar com uma marca líder no mercado de telecomunicações e em clientes de ultra banda larga, que entrega os melhores serviços e constrói relacionamentos.

Os sites da GVT e da Vivo já devem ser unificados em 2 de abril, e o código para realizar ligações de longa distância da GVT, o 25, será substituído pelo 15 da Vivo. A central de atendimento para os clientes GVT também mudará de número, de 103 25 para 103 15. Todos os apps da GVT serão renomeados, sendo que o Minha GVT passará a ser chamado de Meu Vivo Fixo. Tire todas as suas dúvidas sobre a fusão neste site.

Atuais clientes da GVT terão descontos ao adquirirem planos Vivo Móvel, mas ainda não há informações sobre quando a operadora passará a oferecer serviços fixos e móveis no mesmo plano, com apenas uma fatura.


Segue a sangria nas linhas de telefonia fixa no Brasil

Em novembro, foram contabilizadas 135.964 mil linhas a menos e o país fechou o décimo primeiro mês de 2017, com quase 41 milhões de linhas ativas. Oi, Claro, TIM e pequenos prestadores de STFC puxaram a queda de linhas em serviço.

Plano da Oi prevê investimentos abaixo do necessário, diz Anatel

Para agência, os R$ 4 bilhões previstos de dinheiro novo na operadora não são suficientes para que a Oi alcance o nível anual de aportes dos concorrentes. “Se não acompanhar, vai continuar perdendo mercado”, diz Juarez Quadros. 

Claro repete que há muitas operadoras no Brasil e resiste à entrada dos chineses na Oi

"O mercado já está instável com quatro operadoras. Os chineses têm uma mistura com o governo. Com quem iríamos brigar?", criticou o presidente José Félix. Não é a primeira vez que a Claro diz que o mercado nacional comporta apenas três players.

Eletrosul testa suporte por satélite com Telebras e Hughes

Com 11 mil km de linhas de transmissão, a empresa é responsável por aproximadamente 10% do sistema de transmissão do País. Piloto terá duração de 60 dias.

Rede fixa três vezes maior do que a das rivais será o futuro da Oi

O diretor de Tecnologia de Redes e Sistema da Oi, Pedro Falcão, sustentou que o backbone óptico e as redes metropolitanas são a 'joia da coroa' e despertam a ambição dos concorrentes. "A Internet de Tudo exigirá muita rede fixa", frisou.

Oi unifica mainframes para acelerar serviços digitais

Tele também montou o Centro de Gerência de Serviços, em Brasília, com a missão de unificar as ações em áreas como recarga de pré-pago e faturamento.


Veja a revista do 61º Painel Telebrasil 2017
Revista do 61º Painel Telebrasil 2017
A edição de 2017 do Painel Telebrasil enfatizou a necessidade de atualização do modelo de telecomunicações e a definição de uma agenda digital para o País.

Painel Telebrasil 2017 - Cobertura Especial ConvergênciaDigital


Clique aqui e acompanhe a cobertura completa do Painel Telebrasil 2017

  • Copyright © 2005-2018 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G