NEGÓCIOS

Serviços de TI: Disoft compra fábrica de software Kuadrus

Da redação ... 17/04/2012 ... Convergência Digital

A Disoft, empresa brasileira especializada em produtos e serviços na área de Tecnologia da Informação, absorveu a operação da Kuadrus, empresa especializada na prestação de serviços de fábrica de software. Os valores da transação não foram revelados.

Com a incorporação, a Disoft, por meio da unidade de negócios IT Services, incorporará os projetos, equipe e clientes da Kuadrus, como a Chicco, multinacional italiana líder mundial no setor de baby care.
Armando Buchina, CEO da Disoft, explica que este movimento amplia a oferta da unidade de serviços que tem por principal objetivo terceirizar a TI das organizações de forma estratégica.

“A aquisição fortalece nossa unidade de serviços que visa manter o cliente 100% atendido por nossa estrutura, sem que ele tenha a necessidade de recorrer a outros fornecedores”, afirma. Buchina comenta que já na fase de transição, importantes contratos já foram firmados e outros tiveram atuação ampliada.

Com mais de 25 anos de atuação no mercado, a Disoft atua no mercado brasileiro de soluções de Gestão de Crédito (Leasing, CDC), com 24% de market share. Hoje, estruturada em cinco unidades de negócios, além de área de Crédito, a Disoft também conta com as divisões PMC (Performance, Monitoramento e Conectividade), ECM/BPM (Enterprise Content Management e Business Process Management), IT Services (outsourcing estratégico de TI) e ERP.


Soluções de Segurança para a Sociedade
Olhou. Gostou. Pagou!

Tecnologia de reconhecimento facial como meio de pagamento está sendo testada no Japão.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Abinee: Indústria já reclama de recuo do dólar frente ao Real

Segundo a entidade, queda de 22% das exportações de eletroeletrônicos em julho – e de 13,4% no primeiro semestre – “decorre da falta de confiança das empresas em vender seus produtos no mercado externo, face à instabilidade do real frente ao dólar”. Patamar médio do dólar passou de R$ 3,70 para R$ 3,20.

Indústria de eletroeletrônicos dá sinais de reação

Junho apresentou o quarto mês consecutivo de aumento da produção, mas Abinee ainda calcula redução de 7% em 2016. 

Mais da metade das empresas de eletroeletrônicos vende menos que esperado

Nova sondagem de conjuntura da Abinee aponta alguma melhoria nas expectativas dos empresários, com fabricantes de bens de informática e celulares apostando em vendas melhores no segundo semestre.

Despesas mundiais com TI não crescem em 2016

Segundo levantamento do Gartner, depois de recuo de 0,5% no último trimestre, tendência é de que investimentos no setor permaneçam estáveis este ano, em relação a 2015, mantendo-se em cerca de R$ 11 trilhões. 



  • Copyright © 2005-2016 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G