INTERNET

Planejamento cede à Telebras uso de fibras da Infovia Brasília

Luís Osvaldo Grossmann ... 04/04/2012 ... Convergência Digital

Telebras e Ministério do Planejamento firmaram um acordo de cooperação que prevê a cessão de uso de fibras ópticas que fazem parte da Infovia Brasília – rede administrada pelo Serpro que conecta boa parte dos órgãos públicos na capital.

Em contrapartida, o acerto com a Secretaria de Logística e TI do Ministério do Planejamento prevê o uso do datacenter da Telebras para hospedagem de alguns portais da administração: o Portal do Software Público, assim como os das comunidades de municípios e de padronização desses programas; e o Portal do Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (SISP).

Além disso, a Telebras será responsável pela expansão da Infovia – hoje concentrada no Plano Piloto (área central e asas) de Brasília – para outros pontos do Distrito Federal. Por enquanto, nenhuma parte do acordo envolve repasse de recursos.

“Estamos cedendo capacidade disponível da Infovia e a Telebras vai hospedar sistemas que já compreendem milhares de usuários, além de expandir a rede, algo que a Telebras já está fazendo”, explica o secretário de Logística e TI, Delfino Natal de Souza.

Os pares cedidos à estatal são de fibras apagadas, nas quais a própria Telebras está instalando os equipamentos de transmissão. Na prática, a empresa entra no “consórcio” informal de uso dessas fibras, do qual também fazem parte o próprio Serpro e a Rede Nacional de Pesquisa (RNP).

A Infovia Brasília já é utilizada por diferentes órgãos públicos da administração federal para a substituição de contratos de telefonia, por exemplo, por uma operação com base em VoIP. O acerto com a Telebras, no entanto, ainda não envolve a prestação de serviços, apenas infraestrutura.


Google muda práticas na Itália para atender autoridade de dados

Empresa concordou com as exigências do Garante, o regulador italiano sobre privacidade de dados, e entre as medidas só poderá usar as informações com consentimento prévio. 

Demi Getschko segue no comando operacional, mas governo faz ajustes no NIC.br

Maximiliano Martinhão - secretário de Política de Informática (Sepin) será o presidente do Conselho de Administração, onde também entra Luiz Fernando Castro.

Entidades dizem que mudanças no CGI.br são 'ataque à governança'

Dezessete organizações da sociedade civil reagirm, por meio de um manifestam, ao que acreditam ser uma movimento para aumentar a força das operadoras de telecomunicações no Comitê Gestor da Internet.

Para Justiça, criptografia do WhatsApp é desacato a autoridade

Projeto que abre acesso a dados de internautas sem ordem judicial avança no Congresso

Em menos de um minuto, sem qualquer debate, Comissão de C&T da Câmara aprovou o PL 5074/16 – alvo de repúdio expresso do Conselho de Comunicação Social do Congresso.

Revista Abranet 17 . Julho/Agosto 2016
Veja a Revista Abranet nº 17 A Internet que temos no Brasil é a que podemos ter. Planejamento é a melhor estratégia para sobreviver à crise. ISPs: ataques de negação de serviço entre os mais comuns, mas não os únicos.
E mais...
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2016 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G