INTERNET

Comércio eletrônico movimentará R$ 23,4 bilhões no Brasil em 2012

Da redação ... 13/03/2012 ... Convergência Digital

O comércio eletrônico movimentou R$ 18,7 bilhões em 2011, volume 26% maior que a cifra registrada em 2010, segundo dados divulgados nesta terça-feira, 13/03, por meio do estudo WebShoppers, conduzido pela e-bit, empresa especializada em informações do segmento, com apoio da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (camara-e.net) e da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio).

De acordo com o levantamento, o tíquete médio ficou em R$ 350. No período, nove milhões de novos consumidores passaram a fazer compras pela internet, somando 32 milhões de pessoas que compraram, ao menos uma vez, por meio dos sites de comércio eletrônico.

Como reflexo dos preços competitivos e das facilidades de pagamento oferecidas pelas lojas virtuais, os produtos de maior valor agregado lideraram a preferência dos consumidores. Sob esse cenário, o ranking de categorias mais vendidas incluiu eletrodomésticos; informática; eletrônicos; cosméticos e perfumaria/cuidados pessoais; e moda e acessórios. A pesquisa também destacou a ascensão nas vendas do segmento de moda e acessórios.

Para 2012, a expectativa é de que o setor alcance uma receita de R$ 23,4 bilhões, o que representaria um salto de 25% em relação a 2011. Só no primeiro semestre, a projeção é de um total de vendas de R$ 10,4 bilhões. O estudo da e-bit traz ainda dados do mercado de compras coletivas. Em 2011, o segmento atingiu o patamar de 9,98 milhões de usuários, com um total de 20,49 milhões de pedidos e um faturamento de R$ 1,6 bilhão.

Fonte: Valor Online


Google muda práticas na Itália para atender autoridade de dados

Empresa concordou com as exigências do Garante, o regulador italiano sobre privacidade de dados, e entre as medidas só poderá usar as informações com consentimento prévio. 

Demi Getschko segue no comando operacional, mas governo faz ajustes no NIC.br

Maximiliano Martinhão - secretário de Política de Informática (Sepin) será o presidente do Conselho de Administração, onde também entra Luiz Fernando Castro.

Entidades dizem que mudanças no CGI.br são 'ataque à governança'

Dezessete organizações da sociedade civil reagirm, por meio de um manifestam, ao que acreditam ser uma movimento para aumentar a força das operadoras de telecomunicações no Comitê Gestor da Internet.

Governo sugere backdoor no WhatsApp para quebra da criptografia

Congresso já tem pelo menos sete projetos de lei que buscam de alguma forma impedir a suspensão total do serviço no Brasil, mas o Ministério da Justiça promete uma nova proposta, “que permita tecnologicamente que a empresa forneça as informações”. 

Para Justiça, criptografia do WhatsApp é desacato a autoridade

Revista Abranet 17 . Julho/Agosto 2016
Veja a Revista Abranet nº 17 A Internet que temos no Brasil é a que podemos ter. Planejamento é a melhor estratégia para sobreviver à crise. ISPs: ataques de negação de serviço entre os mais comuns, mas não os únicos.
E mais...
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2016 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G