NEGÓCIOS

Associações comerciais se unem para baratear custo da certificação digital

Luís Osvaldo Grossmann ... 12/03/2012 ... Convergência Digital

As associações comerciais do país estão se transformando em Autoridades de Registro com o objetivo de disseminar o uso do certificado digital entre as micro e pequenas empresas do país. O principal trunfo é a oferta de certificados por valores abaixo dos praticados no mercado.

Segundo a Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), o movimento também é importante para a própria sustentação econômica das entidades, na forma da prestação de serviços.

“Temos o sistema computacional, temos a legislação. Falta a certificação digital conquistar os corações e mentes dos brasileiros”, sustentou o presidente do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), Renato Martini. Segundo ele, as associações rapidamente poderão virar os principais emissores da identidade digital.

Para isso, a CACB firmou um convênio com a Certisign para a emissão de certificados a pessoas físicas (e-CPF) e jurídicas (e-CNPJ). Os valores cobrados nesses certificados, com prazo de 12 a 18 meses, variam de R$ 160 e R$ 189.

Nesta segunda-feira, 12/3, representantes dos 27 estados foram a Brasília para mais um treinamento e restou evidente que ainda sobram dúvidas sobre a utilidade da ferramenta. Em alguns casos, acredita-se que o certificado digital poderia substituir todos os demais documentos.

O objetivo, de acordo com o coordenador nacional do Programa de Geração de Receitas e Serviços da CACB, Luiz Antônio Bortolin, é a formação de uma rede de 2,3 mil associações comerciais capazes de prestar esse tipo de assistência aos empresários, como a própria emissão do certificado.


TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Storage da EMC é legado oficial da cidade do Rio de Janeiro

Doação foi feita no momento da assinatura de contrato com a Rio 2016, em agosto de 2014. "A organização assumiu a negociação para a isenção dos impostos junto à Receita", revela o presidente da EMC, agora, Dell Technologies, Carlos Cunha.

Exportação de software e serviços de TI chegou a R$ 4 bilhões em 2015

Dados da Softex revelam que o Brasil conta, hoje, com cerca de 90 mil empresas de software e serviços de TI, que geraram cerca de R$ 100 bilhões em receita líquida em 2015. Setor criou cerca de 600 mil postos diretos de trabalho.

Micro Focus quer unir Linux ao Open Stack com compra de divisão da HPE

Empresa comprou a divisão de software por US$ 8,8 bilhões. Acordo prevê a parceria comercial entre o Suse e o Linux.

Brasil tem papel-chave na estratégia da nova Dell EMC

O país terá as três unidades principais da nova companhia, além de marcar papel em P&D.



  • Copyright © 2005-2016 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G