OPINIÃO

Inteligência Analítica: Saiba como usar na sua empresa

Por Marcela Vairo*
08/02/2012 ... Convergência Digital

Estudos atuais revelam que a capacidade mundial de armazenamento de dados cresce a uma taxa de aproximadamente 43% ao ano. Extremamente alta, essa taxa impacta diretamente nas empresas que lidam com grandes volumes de dados corporativos, que se veem desafiadas pelo aumento dos custos de gerenciamento e armazenamento de informações, pela crescente necessidade do aumento da segurança, já que hoje os dados estão cada vez mais dispersos em diferentes sistemas e aplicativos, podendo ser acessados por um número ilimitado de usuários – de dentro e de fora das empresas.

Além disso, o alto volume de informações ocasiona um fato novo: a garantia da qualidade desses dados está cada vez mais complexa. Em muitas empresas, nas quais há uma grande quantidade de informações e relatórios desconectados entre si, não há um consenso sobre sua confiabilidade e atualização. É preciso, portanto, que se aprenda a armazenar e gerenciar a informação de maneira mais inteligente, eficaz e segura.

Primeiramente, é preciso que as empresas coloquem seu pensamento no futuro, escolhendo ferramentas e fornecedores que tragam um menor custo total de propriedade ao longo dos anos, principalmente no que se refere ao custo de manutenção do legado. É também fundamental que se estabeleça uma política de governança e ciclo de vida do dado para que se possa armazenar a informação nas mídias com um melhor custo benefício, levando em consideração o volume e a frequência do acesso aos dados.

Atualmente, fala-se muito no conceito de big data - aquele que envolve justamente o desafio de gerir a velocidade e a crescente variedade e volume das informações geradas pelas empresas. Como citado anteriormente, além desses três fatores, não podemos deixar de lado a questão da qualidade, do custo e da segurança da informação. Isso é inteligência analítica, e seu principal benefício é, sem dúvida, o aumento da competitividade da empresa, seja por meio da ampliação da receita gerada por produtos e ofertas diferenciados, seja pela redução de custos ocasionada pela otimização dos processos.

O importante é que as empresas saibam como se beneficiar dos dados gerados pela inteligência analítica. Um entendimento mais assertivo das necessidades de seus clientes, as capacita a adaptar seus produtos e processos para melhor atendê-los. Além disso, cada vez mais, a análise de informações em tempo real faz com que esses benefícios sejam imediatos – tornando as organizações mais eficientes e eficazes.

Vale ressaltar ainda que a inteligência analítica pode ser aplicada aos mais diversos segmentos, como na área de pesquisas em universidades, atendimento a pacientes em hospitais, elaboração de ofertas e campanhas de marketing para varejistas, concessão de crédito para bancos, acompanhamento de processos em tribunais, redução dos índices de perda de clientes em empresas de telefonia e otimização de processos de extração de recursos naturais nos setores de energia e mineração.

*Marcela Vairo é gerente de software de gerenciamento da informação da IBM Brasil


Carreira
Academia da Cisco forma 300 jovens em técnicos de TI

Pelo menos 100 alunos trabalham como apoio aos Jogos Olímpicos e já garantiram trabalho após o megaevento. Cursos vão continuar nas Naves do Conhecimento.



  • Copyright © 2005-2016 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G