Clicky

Home - Convergência Digital

Positivo terá servidor customizado para o 5G e com instalação em postes

Ana Paula Lobo - 03/11/2020

A Positivo Servers & Solutions, nova marca da Accept, adquirida pela Positivo, está produzindo um servidor customizado para o 5G e preparado para ser instalado em postes e em pontos como bancas de jornais e outros, tal e qual as pequenas antenas (Small Cells), revela o CEO da companhia, Silvio Campos. "É um servidor totalmente diferente. Ele não tem ventilação interna e é customizado para dar uma robustez fora dos datacenters", adianta o executivo.

Segundo ele, o servidor já está em fase de produção - ele será fabricado no Brasil e terá custo entre R$ 40 mil a R$ 50 mil, conforme a variação do dólar, que impacta o custo final dos equipamentos no país. "O Brasil é um país continental. Pensamos nesse servidor, com a Supermicro, que nos cedeu a tecnologia, para poder atender fora dos datacenters. Ele terá especial função na questão da latência. Ele vai processar o dado no local", explica Campos.

Outro mercado potencial é o de computação de borda, ou edge computing, que avança por conta da distribuição de conteúdo. "Mais e mais provedores querem ter data centers descentralizados para atender sem latência e com maior qualidade. Nosso servidor é ideal. Ele pode ser instalado em qualquer lugar", reforça. A produção local dos servidores será feita em Ilhéus, onde a Accept tinha a sua planta fabril, e em Manaus, onde a Positivo concentra a sua produção local.

Fundada nos anos 1980, a Accept foi adquirida em dezembro de 2018 pela Positivo, e agora, chega ao mercado com a marca Positivo Servers &Solutions para brigar pelas primeiras posições com rivais como Lenovo e Dell. Apesar da Covid-19 e do impacto na produção de componentes, a empresa vai registrar crescimento em 2020. Isso porque suas principais soluções – hiperconvergência, automação e inteligência artificial – foram afetados, mas não deixaram de acontecer e há muitas oportunidades represadas. "Tivemos um crescimento de 30% no primeiro semestre em relação a 2019, mesmo com a Covid-19. A tecnologia foi o pilar dos negócios durante a crise", completou Campos.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

16/04/2021
Romênia se junta à Suécia e Reino Unido e tem projeto para barrar Huawei no 5G

15/04/2021
América Latina se divide sobre uso de ondas milimétricas

15/04/2021
Leilão de 26 GHz terá disputa no Brasil

14/04/2021
Ericsson registra patente brasileira para o 5G

13/04/2021
No 5G, Oi desponta como 'azarão' na faixa de 26GHz

12/04/2021
IHS ainda negocia com a TIM, mas compra mais 602 torres no Brasil

12/04/2021
Latência baixa do 5G SA é tão rápida quanto o sistema nervoso humano

09/04/2021
Bolsonaro faz primeira vídeo chamada com 5G

07/04/2021
Brasil está fora dos países liberados pela Espanha para o Mobile World Congress

06/04/2021
Huawei: é cedo para dizer quem está dentro ou fora da rede privada do governo

Destaques
Destaques

Highline se propõe a comprar licença 5G e oferecer espectro como serviço para ISPs

A proposta da empresa, explicou Luis Minoru, diretor de estratégia e novos negócios, é o de oferecer toda a infraestrutura na modalidade de serviço. Já há testes em andamento, não revelados, para o funcionamento da modalidade que inclui a operação de telefonia móvel.

Cobertura 4G chegou a 85% da população mundial, mas metade dela seguiu sem acesso à Internet em 2020

Levantamento da União Internacional de Telecomunicações mostra que a principal razão da exclusão digital é o alto preço do serviço diante da receita do consumidor. "Houve uma queda nos preços, mas precisa cair muito mais para termos um futuro melhor", pontuou o secretário-geral da UIT, Houlin Zhao.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Com rede sujeita a apagões, qual impacto do 5G na energia no Brasil?

Por Pedro Al Shara*

Segundo pesquisa da Vertiv, fornecedora de equipamentos e serviços para infraestrutura crítica, um aumento da ordem de 150% a 170% no consumo energético é projetado no setor de Telecom até 2026. Com toda a inovação que o 5G representa, mais dispositivos poderão acessar a internet móvel ao mesmo tempo, utilizando o mesmo sinal.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site