Clicky

Home - Convergência Digital

Vivo Play embarca Amazon Prime Video em sua plataforma

Convergência Digital* - 29/06/2020

A Vivo anunciou nesta segunda-feira, 29/06, a disponibilidade do serviço de streaming Amazon Prime Video na sua plataforma de TV e vídeo, o Vivo Play. A partir de hoje, em uma experiência única, os assinantes do serviço de TV da Vivo poderão acessar o conteúdo disponível no Amazon Prime Video, diretamente pelo Vivo Play no decoder ou por meio do aplicativo para acesso em smartphones, TVs conectadas, tablets e notebooks.

Desta forma, o Vivo Play permite que o cliente busque seus filmes e séries favoritas em uma única plataforma. A operadora é a primeira a ter o serviço de streaming da Amazon embarcado em sua plataforma de TV e vídeo, reforçando sua estratégia em dar a melhor experiência de vídeo, com a melhor conexão, conteúdo e qualidade.

"A Vivo está comprometida em oferecer mais opções de conteúdo, sempre com diversidade e entretenimento. Este anúncio com a Amazon faz parte da nossa estratégia como empresa em oferecer aos nossos clientes as melhores experiências de vídeo, em qualquer plataforma, extrapolando o modelo tradicional de televisão por assinatura e tendo o Vivo Play como protagonista desse novo posicionamento", diz Marcio Fabbris, vice-presidente de B2C da Vivo.

"Ao disponibilizar o aplicativo Prime Video para os clientes da Vivo, podemos expandir ainda mais o número de pessoas que podem assistir aos filmes populares do Prime Video, programas de TV e as séries exclusivas Amazon Original como parte de uma experiência integrada de visualização contínua", disse João Mesquita, Head do Amazon Prime Video no Brasil.

Nas semanas seguintes, de forma gradativa, a plataforma de TV e vídeo da Vivo será atualizada automaticamente para permitir que o cliente descubra títulos populares e séries originais disponíveis no Amazon Prime Video quando e onde quiserem, em qualquer tela, seja TV, smartphone, notebook ou tablet.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

20/01/2021
Vivo tem mais de 100 vagas abertas e busca cientista de dados

14/01/2021
Inter fecha parceria MVNO com a Vivo atenta ao mercado pré-pago de voz e dados

13/01/2021
Vivo contrata OpenStack, da Canonical, para levar cobrança online para a nuvem

13/01/2021
Telefonica vende torres para American Tower por 7,7 bilhões de euros. Brasil faz parte do pacote

17/12/2020
Oi e Vivo querem ser compensadas porque clientes não usam mais telefone fixo

08/12/2020
Vivo adota PIX como meio de pagamento de recargas em canais digitais

30/11/2020
Vivo concede bônus de 1GB de Internet para clientes pré-pago em dezembro

26/11/2020
Anatel renova faixa de 850 MHz para Vivo, mas nega pedido de redução de preço

18/11/2020
Vivo inaugura usina solar para atender antenas em Brasília

03/11/2020
Vivo vende braço de cibersegurança para Telefónica de Espanha

Destaques
Destaques

Uso da faixa de 700 MHz deixa 4G disponível 80% do tempo no Brasil

Segundo a mais recente análise da OpenSignal, TIM tem a rede de quarta geração com maior disponibilidade, 88,2%, à frente da Claro (79%) e Vivo (79,5%), Oi (70,2%). 

Um em cada quatro acessos móveis na América Latina será 5G até 2026

Nova edição do Relatório de Mobilidade da Ericsson aponta que até o final de 2020, mais de 1 bilhão de pessoas ao redor do mundo já estará usando 5G. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Previsões para 5G Core (5GC) e redes móveis em 2021

Por Ivan Marzariolli*

A maioria das teles com 5G escolheu o que é chamado de implementação “não autônoma”.  É um híbrido de 4G e 5G que permite oferecer muitos recursos 5G aos assinantes, enquanto ainda aproveita o investimento existente em seu core de pacote 4G. Operadoras estão ansiosas para aproveitar as vantagens do 5GC (SA ou autônomo) - maior agilidade de serviço e custos mais baixos.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site