Clicky

Convergência Digital - Home

B.blend usa Einstein Analytics, da Salesforce, para incrementar vendas

Convergência Digital
Convergência Digital* - 02/06/2020

A B.blend, plataforma de solução de bebidas, é uma joint-venture da Whirlpool com a Ambev, criadora da primeira máquina de bebidas em cápsula all.in.one do mundo, utiliza a solução Marketing Cloud e Einstein Analytics, da Salesforce, líder mundial em CRM, para aprimorar o relacionamento com os clientes.

Ao revisar as estratégias de segmentação, coletar informações de relatórios provenientes do uso de soluções Salesforce e otimizar o conteúdo para torná-lo mais leve, a taxa de abertura dos e-mails enviados pela B.blend  aumentou. A taxa passou de 14% em agosto de 2019, mês da implementação de Salesforce, para uma média de 31% em outubro e novembro do mesmo ano, um aumento de 17%. Entre agosto e novembro o volume de cápsulas vendidas por SMS e e-mail obteve um aumento de 170% e as vendas convertidas cresceram mais de 160% como reflexo do engajamento mais assertivo.

A utilização das soluções Salesforce nos times de marketing e vendas visa também obter mais agilidade nas comunicações da companhia, aumentar o resultado de campanhas, inclusive aos explorar vários canais de comunicação e entender melhor a jornada dos clientes. A implementação foi realizada pela Match, parceira Salesforce, e junto com um time interno da própria B.blend gere e cria jornadas de clientes.

“A interação com a marca precisa ser personalizada e sob medida de acordo com os interesses do cliente. O Salesforce Marketing Cloud contribui não só para a segmentação, mas para o entendimento sobre a interação do cliente com as comunicações”, aponta Francisco Neves, Diretor de Marketing e Vendas da B.blend. Segundo ele, é frequente integrar anúncio para leads em uma rede social com uma campanha de comunicação, assim como propor recomendações de produtos com base em insights obtidos com o Salesforce Einstein Analytics, para análise dos resultados de campanha.

Os consumidores estão cada vez mais conectados, demandando experiências únicas e cientes do que buscam. De fato, 62% dos consumidores brasileiros relataram que tendem a concluir a compra já tendo uma marca específica em mente, segundo o estudo a terceira edição do State of Connected Shoppers, da Salesforce.

Segundo outro estudo da Salesforce, a segunda edição do State of Connected Customer, 84% dos clientes dizem que a experiência que uma empresa oferece é tão importante quanto seus produtos ou serviços. Com isso, as empresas precisam ser mais próximas de seus clientes, entender os diferentes perfis, realizar comunicações mais humanizadas em linha com as expectativas do cliente em diferentes contextos.

“Os clientes querem sentir que são especiais para as marcas, esse é o grande desafio das empresas. O engajamento contextualizado e personalizado em múltiplos pontos de contato é mais necessário do que nunca”, comenta Daniel Hoe, diretor de Marketing da Salesforce para América Latina.


Ministério da Justiça escolheu nuvem da Oracle para atender ao consumidor

"A nuvem nos abre um novo catálogo de possibilidades para serviços", afirma o coordenador geral de infraestrutura e serviços do Ministério da Justiça, Leonardo Greco. Serviço consumidor.gov.br migrou para a Oracle no final de maio.

Icatu Seguros: mudar atendimento ao cliente para a nuvem foi decisão irreversível

Seguradora contratou a CXone, da NICE, para migrar, em tempo recorde, os seus funcionários para o trabalho remoto. "Tínhamos de não perder a qualidade e a eficiência e adaptar o serviço ao dia a dia das casas dos colaboradores", conta o diretor de Marketing e canais, Rafael Caetano.

Diversidade e Ciência de Dados: um desafio ao Brasil

Mais mulheres precisam ocupar carreiras em Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática pelo bem do País, incentiva a embaixadora da Women in Data Science da USP (WiDS @USP), Renata Sousa.

Destaques
Destaques

Nuvem exige plano A, plano B e erra quem não faz recuperação de desastre

A nuvem não é proteção por si só e exige muito planejamento das empresas, afirmam especialistas de segurança da informação. Para o CISO da RNP, Emilio Nakamura, contingência e resiliência são obrigações. "Ser rápido num incidente é o relevante porque não existem sistemas 100% seguros".

Com nuvem à frente, nova força da TI na pandemia começa a refletir nos orçamentos

Segundo a IDC Brasil, se 2020 já viu um aumento de até 25% no dinheiro disponível para TICs nas empresas, 2021 sinaliza um crescimento ainda maior.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como controlar os gastos em nuvem pública?

Por Srinivasa Raghavan*

Se as empresas obtiverem melhor visibilidade do custo de cada serviço em nuvem que utilizam, poderão encontrar o equilíbrio certo entre eles, reduzir as despesas operacionais e obter o melhor valor possível da nuvem.

O caminho da cibersegurança passa pela nuvem

Por Felipe Canale*

Com organizações cada vez mais distribuídas, manter dispositivos em todos os locais ou usar produtos diferentes para trabalhadores remotos cria inúmeras brechas de segurança, além de custar muito e sobrecarregar os recursos de TI.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site