Home - Convergência Digital

Governo abre seleção para diretor do cadastro nacional dos cidadãos

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 23/10/2019

A Secretaria de Governo Digital do Ministério da Economia abriu inscrições para selecionar profissional que será responsável por agilizar o compartilhamento de dados entre os órgãos do governo federal e pela evolução do Cadastro Base do Cidadão, instituído pelo Decreto 10.046/2019. 

O edital, aberto na sexta-feira (18/10 exige formação de nível superior e experiência de pelo menos cinco anos em gestão – três na área específica do cargo. O escolhido ocupará cargo comissionado DAS 101-5, com remuneração de R$ 13.623.As inscrições vão até 30/10, pela internet, neste link

Podem se inscrever tanto profissionais da iniciativa privada quanto servidores públicos efetivos ou comissionados de todas as esferas de governo. As inscrições serão feitas apenas pela internet. Os candidatos devem passar por etapas que incluem questionários sobre a experiência em gestão de equipes e conhecimentos específicos, além de gravação de vídeo, estudo de caso e dinâmica de grupo.

"O novo decreto reforçou a ideia do governo único para um cidadão único”, diz o secretário de Governo Digital, Luis Felipe Monteiro. “Com este edital, buscamos um profissional que seja uma liderança nessa ruptura de mentalidade do serviço público, que ajude a criar as soluções inovadoras para a gestão dos dados, em estrita proteção à privacidade do cidadão", completa.

O novo profissional da Secretaria de Governo Digital assumirá o Departamento de Governança de Dados e Informações e cuidará da governança de dados, interoperabilidade de sistemas, análise de dados nas políticas setoriais, segurança da informação e proteção da privacidade do cidadão. Também coordenará o Comitê Central de Governança de Dados do Poder Executivo federal, além da adequação do Executivo à LGDP, em articulação com a Autoridade e Conselho Nacional previstos na legislação.

* Com informações do Ministério da Economia

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

02/12/2019
Seis em cada 10 brasileiros sofreram com vazamento de dados

27/11/2019
GSI: Segurança cibernética é um assunto 'seriíssimo' e exige ações imediatas

22/11/2019
Comitê com 10 órgãos vai unificar apoio federal às startups

19/11/2019
Anatel abre dados de telecom em novo formato interoperável

19/11/2019
Coleta de dados por microfones ou assistentes virtuais incomoda 75% dos consumidores

18/11/2019
Governo usa robôs para responder perguntas pelo Whatsapp

13/11/2019
Oito em cada 10 líderes de TI assumem dependência dos dados

13/11/2019
Análise de dados é usada por 60% das empresas no Brasil

11/11/2019
Governo terá plataforma de consentimento e monitoramento do uso de dados

31/10/2019
Projeto adia Lei Geral de Proteção de Dados para 2022

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A urgência de cultivar talentos para TIC no Brasil e no mundo

Por Breno Santos*

A transformação digital ainda é um desafio para muitas empresas no Brasil e a aplicação estratégica das novas soluções deve acontecer por meio de equipamentos e mão de obra qualificada.

Destaques
Destaques

Análise de requisitos define sucesso ou morte dos projetos de TI

Como demonstra o professor e pesquisador Marcos Kalinowski, do departamento de informática da PUC-RJ, especificação boa ou ruim pode triplicar a produtividade ou aumentar em até 50% os custos. O professor da PUC-RJ coordena um projeto de pesquisa na área de Engenharia de Requisitos que envolve mais de 50 pesquisadores de 20 países.

Negócios na nuvem vão gerar 491 mil empregos diretos no Brasil até 2024

A batizada, 'economia Salesforce', formada pelo ecossistema de parceiros e clientes da companhia, vai gerar nos próximos seis anos, 780 mil empregos indiretos e uma receita de R$ 247 bilhões em novos negócios. Transformação digital será responsável por 50% dos gastos com software e computação em nuvem.

Cientista de Dados, desenvolvedor, CTO e analista de segurança da Informação são os mais procurados em TI

Essa é a constatação do Guia Salarial 2020, produzido pela consultoria Robert Half, com atenção às pequenas, médias e grandes empresas. Cientista de Dados pode ter salário inicial em torno de R$ 13 mil nas pequenas empresas e de R$ 26 mil nas grandes corporações.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site