Clicky

INTERNET

Operação Attack Mestre: Polícia insiste para ISPs denunciarem extorsão

Por Roberta Prescott* ... 03/09/2020 ... Convergência Digital

Procurar a delegacia de crimes cibernéticos ou delegacia distrital e informar a polícia dos incidentes é fundamental para que as investigações possam ser conduzidas e os criminosos possam ser condenados, destacou o coordenador do Laboratório de Operações Cibernéticas da Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), Alessandro Barreto.

Em entrevista exclusiva à Abranet sobre a Operação Attack Mestre, que desarticulou uma organização criminosa que praticava extorsão após bloqueio de rede por meio da Negação de Serviço Distribuído (DDoS) contra os provedores de conexão de Internet, Barreto insistiu muito. “A vítima tem de procurar a polícia e registrar a ocorrência; não adianta pagar as extorsões exigidas, porque isto vai aumentar a incidência”.

A Operação Attack Mestre começou com denúncias de vítimas que procuraram as polícias de Goiás e Tocantins e registraram ocorrência. De acordo com Barreto, as equipes trabalharam arduamente na busca de elementos informativos e resultou em uma operação inédita para o País. Até então, apontou Barreto, não se tinha notícia outra operação deflagrada contra a prática de ataque de negação de serviços que causa prejuízo aos provedores e à população em geral.   

As investigações no âmbito da Operação Attack Mestre iniciaram-se nos Estados de Goiás e Tocantins com objetivo de identificar os atacantes; e a Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública teve o papel de coordenar e integrar as ações. “Durante nove meses, os Estados e a secretaria de ações integradas trabalharam arduamente para que identificar autoria dos crimes de DDoS contra os provedores de conexão à internet de pequeno e médio portes”, contou.

Fonte: portal da Abranet


Canadá não quer esperar acordo global e vai cobrar imposto da internet em 2022

Em anúncio ao Parlamento, Departamento das Finanças do país indicou que novo tributo entra em vigor em janeiro de 2022 e pode arrecadar o equivalente a R$ 14 bilhões em cinco anos. 

Proliferação de serviços streaming faz crescer o “consumidor bumerangue”

Segundo a Kantar Ibope Media, no lugar de assinar simultaneamente as várias opções, se torna mais comum a troca constante de serviços. 

TSE desmente notícias e descarta cobrança de multa por justificativa no e-Título

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) esclarece que não procede a informação de que o órgão estaria cobrando indevidamente multa dos eleitores que fizeram sua justificativa via aplicativo e-Título, no último dia 15 de novembro, data do primeiro turno.

Facebook exclui 140 mil postagens com desinformação sobre eleições

Publicações desestimulavam voto ou continham informações erradas. Rede social também informa que rejeitou 250 mil anúncios que não deixavam claro se tratarem de propaganda política. 

WhatsApp bane mais de mil contas após denúncias recebidas em canal do TSE

Plataforma conjunta com o TSE recebeu 4759 denúncias de 27 de setembro a 15 de novembro.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G