Clicky

Home - Convergência Digital

Tencent e Qualcomm negociam chips para jogos em 5G

Convergência Digital* - 30/07/2019

A Qualcomm e a Tencent Holdings anunciaram que vão cooperar em projetos que incluam a possibilidade de tornar os videogames da empresa chinesa melhores em aparelhos com chips Qualcomm, e criar uma versão 5G de um software compatível com um telefone para jogos da Tencent.     

A Qualcomm é a maior fornecedora de chips para telefones celulares que alimentam muitos dispositivos Android. Com uma capitalização de mercado de cerca de US$ 453 bilhões, a Tencent é a maior empresa de software para dispositivo móvel da China e é proprietária da rede social WeChat. 

Pelo acordo, os futuros jogos da Tencent poderiam ser “otimizados” para telefones Android que rodam chips de videogames Snapdragon Elite da Qualcomm, disseram as companhias em um comunicado.     

Eles já trabalharam juntos em um telefone de jogos. No início deste mês, a Tencent emparelhou-se com a divisão de dispositivos para jogos da Asustek Computer, Republic of Games, para introduzir um telefone para jogos com um chip da Qualcomm.     

A Tencent e a Qualcomm também planejam desenvolver em conjunto uma versão 5G do telefone para jogos, o que poderia ajudar a reforçar os planos da Tencent para um serviço de streaming de jogos.     

As velocidades de conexão mais rápidas de dispositivos 5G podem permitir o streaming de jogos mais complexos para dispositivos móveis. A Microsoft, empresa sediada nos EUA, e o Google, da Alphabet, também lançaram serviços de streaming de jogos.      

* Com informações da Reuters

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

26/01/2021
Venda de celulares cresce 10%, puxada por aparelhos mais caros

21/01/2021
Justiça fica ao lado da Apple e rejeita pedido de consumidor alegando 'capitalismo'

20/01/2021
Operadoras abraçam Open RAN aberto, mas cobram financiamento da União Europeia

19/01/2021
EUA querem dar a faixa de 12 GHz para o 5G

15/01/2021
Teles querem deixar migração das parabólicas para depois do leilão 5G

11/01/2021
Consumidor abre mão de acesso 5G por bateria com mais duração

05/01/2021
Brasileiro será CEO global da Qualcomm a partir de junho

18/12/2020
Abinee: Diferença de custo entre migração e mitigação no 5G é menor do que apontam teles

16/12/2020
Capdeville, CTIO da TIM: "Usamos equipamentos chineses há vinte anos e não há nada que desabone a rede brasileira"

16/12/2020
TIM: dizer que 5G DSS não é o 5G é obrigatório para não queimar a tecnologia

Destaques
Destaques

Uso da faixa de 700 MHz deixa 4G disponível 80% do tempo no Brasil

Segundo a mais recente análise da OpenSignal, TIM tem a rede de quarta geração com maior disponibilidade, 88,2%, à frente da Claro (79%) e Vivo (79,5%), Oi (70,2%). 

Um em cada quatro acessos móveis na América Latina será 5G até 2026

Nova edição do Relatório de Mobilidade da Ericsson aponta que até o final de 2020, mais de 1 bilhão de pessoas ao redor do mundo já estará usando 5G. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Previsões para 5G Core (5GC) e redes móveis em 2021

Por Ivan Marzariolli*

A maioria das teles com 5G escolheu o que é chamado de implementação “não autônoma”.  É um híbrido de 4G e 5G que permite oferecer muitos recursos 5G aos assinantes, enquanto ainda aproveita o investimento existente em seu core de pacote 4G. Operadoras estão ansiosas para aproveitar as vantagens do 5GC (SA ou autônomo) - maior agilidade de serviço e custos mais baixos.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site