NEGÓCIOS

Every ganha contratos e se reposiciona para avançar na LGPD

Por Suzana Liskauskas* ... 13/07/2020 ... Convergência Digital

Com reposicionamento de marketing e nova logomarca, a Every anunciou a sua estratégia para disputar o mercado de consultoria em projetos de diagnóstico relacionados à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Entre as novidades, a empresa anuncia um blog exclusivamente dedicado ao universo da LGPD.

Com seis anos de atuação, a empresa deixa para trás a marca Every TI e passa a ser conhecida como Every Cybersecurity and GRC. A apresentação foi feita pelo CEO da empresa, Eduardo Nery, durante o evento online realizado em 1º de julho, O jogo dos 7 erros nas contratações de projetos de adequação à LGPD - Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais.

“Nosso foco está na prestação de serviços em projetos de governança, risco, compliance, privacidade e LGPD. No Brasil, somos a única empresa parceira da RSA na categoria SecurWorld Titanium Partner.”, afirmou Nery. Com contratos que somam R$ 40 milhões, a Every Cybersecurity and GRC pretende alcançar mercados em Portugal e Espanha. Sem dar detalhes sobre os projetos, Nery garantiu que a empresa entrará nos próximos meses no mercado europeu. No Brasil, Nery afirmou que a empresa tem cerca de 90 projetos, sendo 20 exclusivos de LGPD, boa parte deles desenvolvida com empresas públicas.

Com sede em Brasília e escritórios no Rio de Janeiro e em São Paulo, estamos aptos a atender clientes em todas as regiões. No início das operações, até 2018,conta Nery, a Every era mais pautada em projetos antifraude. "Implementamos soluções de segurança em vários órgãos do governo, muitos desses contratos ainda estão vigentes. Mas nosso mundo é GRC, privacidade e LGPD. Por isso resolvermos transformar nossa logomarca para o mercado saber o que fazermos”, completou o CEO da Every Cybersecurity and GRC.

A data escolhida para o evento coincide com a primeira apresentação da Everyti ao mercado feita em um restaurante em Brasília há cinco anos. Nery lembrou que, nessa época, a empresa funcionava na sua casa. Agora, conta com cerca de 40 colaboradores, com um time inteiro dedicado a projetos de LGPD, sob a gerência de Vinícius Braga. Essa equipe também é responsável pelo conteúdo do BLOG LGPD (bloglgpd.com.br), que foi lançado durante o evento. 

“Queremos no posicionar com um prestador de serviços em LGPD, governança, riscos e compliance. No caso da LGPD, o blog é um desses serviços. O conteúdo não é comercial, traz informações sobre o mercado e será atualizado a cada dois dias e será totalmente produzido pela equipe coordenada pelo Vinícius Braga”, garantiu Nery.


Cloud Computing
Unimed Fesp adota Citrix para trabalho remoto de quase 700 colaboradores

Os colaboradores podem acessar de qualquer local e qualquer dispositivo as mesmas aplicações e informações que tinham no escritório, como sistemas de autorização de pessoas internadas, ERP, aplicativos internos, dados para análise e relatórios, entre outras.

Trabalha com dados? Você precisa saber o que é o Lifelong Learning

Buscar o constante aprendizado é uma ferramenta essencial para qualquer profissional. Isso vale ainda mais para quem trabalha em uma área dinâmica e que requer pensamento holístico como o profissional de dados.

Unicórnio brasileiro avança operações de pagamento para décimo país

Ebanx anunciou que também vai processar pagamentos no Uruguai. "Unicórnio" com mais de US$ 1 bi, empresa está também no México, Colômbia, Argentina, Chile, Peru, Bolívia, Equador e Uruguai, além do Brasil.

Finplace amplia em mais de 200% a oferta de crédito para PMEs

Criada no final do ano passado, a plataforma já movimentou mais de R$ 50 milhões e contabiliza 108 financiadores e uma carteira com mais de 500 clientes.

No Brasil, 65% das empresas estão bem longe das regras da LGPD

Índice LGPD ABES mostra ainda que 40% das companhias brasileiras sofreram incidentes de violação nos últimos dois anos e 80% assumem que fazem, sim, coleta de dados sigilosos. "Não há mais tempo a perder", adverte o consultor da EY, Marcos Sêmola.

Positivo Tecnologia: "Falta PC para vender no varejo"

Tês meses depois da pandemia, a demanda por PCs aumentou mais de 50% no mercado nacional. “Seguramos a produção por precaução, e, agora, faltam alguns produtos para atender ao varejo", diz Norberto Maraschin Filho, vice-presidente de Negócios de Consumo e Mobilidade da Positivo Tecnologia.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G