Home - Convergência Digital

Cientista de Dados, desenvolvedor, CTO e analista de segurança da Informação são os mais procurados em TI

Convergência Digital* - 17/10/2019

A versão 2020 do Guia Salarial produzido pela consultoria Robert Half apresenta os cargos mais procurados pelas empresas em diferentes setores de atuação e também as faixas salariais para quem ocupa as posições indicadas em pequenas, médias e grandes empresas. O Convergência Digital disponibiliza a parte dedicada à Tecnologia.

A nova edição passou por uma mudança de metodologia: as tabelas salariais, que antes traziam as remunerações mínimas e máximas de cada posição, foram substituídas por quatro faixas salariais, determinadas pelo nível de qualificação e experiência do candidato, bem como pela complexidade de seu cargo ou indústria e setor de atuação.

Ou seja: o primeiro salário que aparece logo após o nome do cargo corresponde à menor remuneração encontrada pela firma para este cargo e o último valor, que fica à direita, representa o maior.

Veja abaixo a relação de cargos mais procurados em diversos setores de trabalho, principais habilidades exigidas pelas marcas e perspectivas salariais na área de Tecnologia.

Posições em alta: Gerente de TI Generalista, Desenvolvedor, Cientista de Dados, Chief Technology Officer (CTO) e Analista de Segurança da Informação.

Habilidades mais demandadas: Domínio do idioma inglês, Agilidade, Foco em resultado, Visão estratégica e Boa comunicação.

Perspectiva de remuneração em 2020 em Reais:

Gerente de TI Generalista - 15.450/ 20.000/ 25.850/ 31.450.

Desenvolvedor full stack sênior - 8.100/ 10.500/ 13.550/ 16.500.

Cientista de Dados - 13.100/ 17.000/ 21.950/ 26.700.

Chief Technology Officer (CTO) - 24.700/ 32.000/ 41.350/ 50.300.

Analista de Segurança da Informação Sênior - 7.750/ 10.000/ 12.950/ 15.750.

“Para serem valorizados, os profissionais devem seguir investindo em suas habilidades técnicas, mas é essencial desenvolver também suas habilidades comportamentais, ou soft skills. Além disso, independentemente da área de atuação, manter-se atualizado quanto às tendências em tecnologia será primordial para conseguir incremento no salário”, aponta Fernando Mantovani, diretor geral da Robert Half no Brasil.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

03/07/2020
Startups do Cubo Itaú têm mais de 500 vagas de trabalho em aberto

17/06/2020
Qintess anuncia 243 vagas para transformação digital

10/06/2020
Instituto Eldorado abre 80 vagas na área de TI em Manaus

10/06/2020
TOTVS busca profissionais para monitoramento de dados e cloud

08/06/2020
Empresas têm mais de 200 vagas abertas para profissionais de TI

03/06/2020
Empresas de TI no DF querem adiar negociação salarial para outubro

14/05/2020
Empresa de TI abre vagas para trabalho 100% remoto

13/05/2020
Procura pela Carteira de Trabalho digital cresce 105% em 30 dias

13/05/2020
Cubo Itaú abre 160 vagas para desenvolvedores em startups

13/05/2020
Contratação imediata em tempos de Covid-19

Recrutadores e a dura tarefa de contratar cientistas de dados

O maior gargalo é encontrar profissionais adequados às demandas das empresas e o Brasil, hoje, é um exportador de talentos para outros países.

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Seis dicas para formar uma equipe de trabalho resiliente

or Craig Mackereth*

Formar uma equipe ou força de trabalho resiliente não é tarefa que se execute da noite para o dia. Tampouco é possível tornar uma equipe verdadeiramente resiliente se isso ainda não estiver integrado ao DNA da empresa.

Destaques
Destaques

Teletrabalho: medo de perder emprego cria obrigação de ficar 100% online

Pesquisa do LinkedIn aponta que 68% dos brasileiros têm trabalhado de uma a quatro horas a mais por dia por conta de estarem em home office. Maior parte reclama de ansiedade e estresse. Maioria também reclama da ausência dos colegas de trabalho, mas 43% se sentem mais produtivos com o trabalho remoto.

TST suspende demissões na Dataprev enquanto durar crise da Covid-19

Trabalhadores alegaram que os prazos acordados no fim da greve não terão como ser integralmente cumpridos diante da situação emergencial com a epidemia do coronavírus. 

TST: Teletrabalho tem de respeitar os contratos vigentes

Corte aponta, no entanto, que em situações emergenciais, como a atual crise da Covid-19, a adoção da jornada online temporária prescinde formalização, mas deve respeitar leis trabalhistas. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site