Clicky

TIM acaba com acesso grátis às chamadas de voz e vídeo do WhatsApp e Messenger

Ana Paula Lobo ... 08/07/2020 ... Convergência Digital

A TIM decidiu criar limitação no acesso grátis ao WhatsApp e ao Messenger na sua carteira de clientes. Em comunicado aos seus clientes e assinantes, a operadora informa que a partir de 31 de julho, as chamadas de voz e vídeo realizadas por meio de WhatsApp e Messenger passarão a ter o tráfego de dados descontado dos pacotes de Internet de cada plano.

A operadora afirma que o envio de mensagens de texto, fotos, vídeos e áudios nesses aplicativos segue ilimitado nos OTTs. Reitera ainda que os planos oferecem ainda ligações ilimitadas locais e DDD (com uso do código 41) para números de qualquer operadora do Brasil.

O zero rating para os OTTs foi adotado na TIM em 2015, quando Rodrigo Abreu, agora CEO da Oi, presidia a operadora. Houve muita contestação e tentou tirar a opção no Marco Civil da Internet, mas o CADE decidiu que o zero rating não feria a competição. Em 2016, o acordo foi cancelado, mas voltou em 2017 e seguiu até julho deste ano, quando voltam as restrições para algumas funcionalidades como as chamadas de voz e vídeo no WhatsApp e no Messenger.

Abaixo o comunicado oficial da TIM:

A empresa informa que começou a comunicar seus clientes de diferentes segmentos, seguindo o prazo regulamentar, sobre mudanças no uso dos aplicativos de mensagem inclusos promocionalmente nas ofertas, conforme descrito no regulamento das mesmas. A partir de 31 de julho, as chamada de voz e vídeo realizadas por meio do WhatsApp e Messenger passarão a ter seu tráfego de dados descontado dos pacotes de internet de cada plano. O envio de mensagens de texto, fotos, vídeos e áudios nesses aplicativos segue ilimitado e os planos oferecem ainda ligações ilimitadas locais e DDD (com uso do código 41) para números de qualquer operadora do Brasil.*


Internet Móvel 3G 4G
TIM entra na disputa pela gestão da iluminação pública com rede de IoT

Operadora fechou parceria com a M2M Telemetria para participar dos principais projetos voltados à nova gestão dessa infraestrutura pública. Tele conta com a cobertura da rede dedicada de NB-IoT, no 4G, presente em 3460 cidades do país.

Minicom cede Artur Coimbra para ser corregedor da ANPD

O secretário de radiodifusão, Max Martinhão, acumula interinamente a Secretaria de Telecomunicações. Segundo a pasta, ainda não há novo nome para substituir Artur Coimbra.

Anatel apreende 15 mil carregadores de celulares na 25 de Março, em São Paulo

Equipamentos não homologados foram avaliados em R$ 180 mil e foram recolhidos em um único distribuidor. Outros 11 mil carregadores foram apreendidos em três operações durante o mês de novembro.

TIM: dizer que 5G DSS não é o 5G é obrigatório para não queimar a tecnologia

Operadora informa que vai ter o 5G DSS em 12 capitais para testes em bairros, mas sustenta que a transparência é crucial. "O 5G DSS tem latência do 4G", afirma o CTIO, Leonardo Capdeville. Nas capitais, o 5G DSS será exclusivo para mobilidade. O acesso banda larga fixa - FWA - continuará em piloto.

Claro: Hábitos da quarentena transformaram as redes móveis

O diretor de Marketing da operadora, Márcio Carvalho, assegura que o 5G DSS está cumprindo bem o seu papel em grandes mercados, uma vez que a jornada até o 5G 'sonhado' deve levar algum tempo no Brasil.




  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G