INOVAÇÃO

Brasil precisa formar massa crítica de empreendedores para inovação

Ana Paula Lobo e Pedro Costa, do Rio de Janeiro ... 27/03/2020 ... Convergência Digital

Ser o maior hub de inovação do Rio de Janeiro e abrir fronteiras para outros estados, como São Paulo, é a meta estabelecida pela Fábrica de Startups, localizada no Porto Maravilha, no Centro do Rio de Janeiro. Criada em 2012, em Portugal, a Fábrica de Startups desembarcou no Brasil com o intuito de gerar uma cultura de inovação para as empresas, conta o CEO, Hector Simões.

Em entrevista à CDTV, do Convergência Digital, lembra que 55% dos novos empregos gerados no Brasil são por meio das pequenas e médias empresas. "Empreendedorismo e inovação fazem a indústria ser mais competitiva. Aqui na Fábrica de Startups temos o conceito de unir as startups com as grandes empresas. Uma completa a outra", salienta.

As dificuldades para inovar são uma realidade, mas Simões usa números para mostrar que é possível mudar: em 2018, as empresas de risco investiram US$ 1,3 bilhão em investimento de risco em inovação. Em 2019, esse montante cresceu para US$ 2,7 bilhões. "Ficamos atrás apenas dos EUA e da China. Podemos fazer muito mais. Me anima e me desafia as medidas que estão sendo tocadas para desburocratizar a inovação pelo governo, como o marco legal das startups", diz.

Incubar startups é a origem do negócio e a novidade é o Instituto 42, criado na França, em 2013, e que chega ao Brasil para formar programadores não apenas para programar, mas para poderem exercer cargos de liderança, conta Leonardo Filardi, em entrevista à CDTV. Uma característica relevante: os cursos são gratuitos. "Não cobramos antes, durante e depois. A ideia é formar mesmo para o mercado", salienta.

Os cursos são abertos para todo mundo acima de 18 anos e a primeira turma está sendo selecionada. Serão 150 alunos com aulas a partir do segundo semestre.  A Fábrica de Startups abriu o seu espaço para sediar a 14ª edição do Dia Internacional de Segurança em Informática (DISI), da Rede Nacional de Pesquisa, realizada no dia 13 de março, no Rio de Janeiro. Assistam a entrevista com Hector Simões e Leonardo Filardi.


Cloud Computing
AWS: Nuvem responde às exigências da LGPD

“A LPGD foi criada até pela expansão do uso dos dados, porque temos que nos preocupar muito quem acessa, como ele está armazenado, como está criptografado”, afirma Jorge Ruas, da AWS. 


Fiemg lab e Fiat Chrysler automóveis (FCA) buscam startups de Supply Chain e Manufatura

Competição está com inscrições abertas até o dia 28 de outubro. Oito projetos serão selecionados e terão testes industriais em 2021.

Waze: força das comunidades e dos 50 mil voluntários fazem a diferença

A colaboração é o segredo do sucesso do Waze e estabelecer canal ativo com os clientes é missão, contou a Global Group Manager, Hila Roth.

Inovar é deixar de olhar para o próprio umbigo

Marcelo Salim, da IBM, Percival Jatobá, da Visa e Ana Leão, da Isobar, assumem que o consumidor é quem está selando o destino das marcas e com voz mais ativa.

TOTVS Techfin: Na crise, sobrevivem os mais adaptáveis às mudanças

O momento exige resiliência e perseverança, mas a crise acelerou uma jornada e colocou, de vez, o consumidor como o centro dos negócios, afirmou Eduardo Neubern, diretor-executivo da Totvs Techfin.

Empresas estão comprando tecnologia, mas não fazem a transformação digital

Sem entender o consumidor, a transformação digital simplesmente não vai acontecer, atestaram Sílvio Meira, cientista-chefe na The Digital Strategy Company; Luiz Sergio Vieira, CEO da EY Brasil, e Agenor Leão, vice-presidente de plataformas de negócios da Natura para América Latina.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G