Home - Convergência Digital

Ministério da Economia vai contratar 350 temporários para transformação digital. Assespro diz que medida é nociva

Luís Osvaldo Grossmann* - 10/07/2020

O Ministério da Economia vai contratar 350 profissionais de tecnologia da informação para atuar em projetos de transformação digital no governo federal. A ideia é fazer  um processo simplificado para selecionar candidatos em sete especialidades, para contratos de quatro anos. 

A procura é por especialistas em Gestão de Projetos, Infraestrutura de Tecnologia da Informação TI, Ciência de Dados, Segurança da Informação e Proteção de Dados, Análise de Processos de Negócios, Experiência do Usuário (UX), além de Desenvolvimento de Software. 

O Ministério da Economia definirá a remuneração dos profissionais a serem contratados, com expectativa de que os editais devem ser publicados em até seis meses. A norma básica é de duração dos contratos por, no máximo, quatro anos. No entanto, há uma previsão de que poderão ser prorrogados, desde que devidamente justificado, com base nas necessidades de conclusão das atividades. 

A medida, no entanto, desagradou empresas de tecnologia da informação. A Assespro Nacional entende que a contratação direta é nociva para o mercado, que "sofre uma crise de apagão de mão de obra e o governo entra para concorrer". E defende que as ações de transformação digital no governo se deem em parceria com as empresas.

"São vários cenários que não estão sendo recebidos positivamente pelo setor de TIC. Primeiro, veio o Serpro fazer contrato/parceria com as maiores estruturas de empresas multinacionais para venderem para o governo. Depois, vários ministérios fazem acordos e termos de parceria só com os gigantes, para a "Transformação digital brasileira". Agora vem essa ideia de contratar profissionais diretamente para promoverem essas transformações", diz o presidente da Assespro Nacional, Italo Nogueira.

* Atualizada às 16h30 para inclusão de posicionamento da Assespro

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

07/08/2020
Governo digital: qualidade do serviço passa pela integração dos dados

07/08/2020
Serviços digitalizados evitaram 65 milhões de visitas a órgãos públicos

31/07/2020
Qintess compra CSC Brasil por Analytics, Ciência de Dados e transformação digital

31/07/2020
Gov.br completa um ano com 72 milhões de cadastros

28/07/2020
Covid-19 triplicou uso de serviços públicos digitais

22/07/2020
Brasil, 4° País com mais internautas, é 54° em governo digital

10/07/2020
Ministério da Economia vai contratar 350 temporários para transformação digital. Assespro diz que medida é nociva

07/07/2020
Covid-19 acelerou digitalização de 200 serviços públicos

01/07/2020
Governo diz que 70 milhões de brasileiros têm login único para serviços digitais

08/06/2020
Grupo Boticário acelera transformação digital e abre mais 48 vagas em TI

ARTIGO . Por Melissa Torgbi

Cientista de dados: seja curioso, se envolva e tenha muita disposição para resolver problemas

Há muita empolgação acerca do termo “ciência de dados” atualmente. Para nós que queremos ser cientistas de dados, há alguns requisitos. Um deles: ter muita, mas muita vontade de aprender o tempo todo.

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Seis dicas para formar uma equipe de trabalho resiliente

or Craig Mackereth*

Formar uma equipe ou força de trabalho resiliente não é tarefa que se execute da noite para o dia. Tampouco é possível tornar uma equipe verdadeiramente resiliente se isso ainda não estiver integrado ao DNA da empresa.

Destaques
Destaques

TRT/SP rejeita cautelar das empresas de TI e cobra Convenção Coletiva 2020

O desembargador e vice-presidente judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 2 Região, Rafael Edson Pugliese Ribeiro, em despacho, alerta que a falta de renovação da Convenção Coletiva 'é a falência do diálogo'. Convergência Digital publica a íntegra da decisão.

Microsoft muda alto escalão da AL e fica à espera de Rodrigo Kede,em litígio com a IBM

O presidente para a AL da Microsoft, Cesar Cernuda, e a brasileira Paulo Bellizia, vice-presidente de Vendas, Marketing e Operações para a região, oficializaram a saída da empresa. A computação em nuvem é pano de fundo no embate entre as gigantes.

Gestor de Tecnologia foi repaginado pela Covid-19

Os responsáveis por compliance, por digitalização e por suppy chain foram reconhecidos e estão à frente das ações das empresas e passaram a ter acento nos comitês de liderança, afirma o consultor da Russell Reynolds Associates, Márcio Gadaleta.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site