SEGURANÇA

Farmácias sofrem aumento de 60% em tentativas de fraude online

Convergência Digital ... 18/05/2020 ... Convergência Digital

Os novos hábitos impostos para a população com o novo coronavírus refletem também nas compras online e, com isso, as tentativas de fraudes no comércio eletrônico. Levantamento da ClearSale, empresa líder em soluções antifraude nos mais diversos segmentos, aponta aumento de 18% nas tentativas de fraudes no primeiro mês de isolamento, totalizando R$ 69 milhões de fraudes evitadas. 

Os segmentos que tiveram mais tentativas de fraudes, com crescimento no período foram: Drogarias, com 60%, seguido por Magazines, 50% e Vestuários, com 25%. O estudo da ClearSale também aponta que os novos compradores que passaram a usar o e-commerce na quarentena compram 85% mais, utilizando o canal com mais frequência.

Para o levantamento, R$ 4,7 bilhões em transações foram analisadas, o que representa cerca de 10,4 milhões de pedidos, considerando aqueles com pagamento via cartão de crédito. Para o estudo, foram considerados os períodos de 15 de janeiro a 20 de fevereiro, antes das medidas para contenção do coronavírus, e de 1º a 20 de abril, já com as pessoas em isolamento social, comparando a variação média diária entre os períodos.

“É importante que as pessoas fiquem atentas com o compartilhamento de seus dados pessoais na internet e tomem cuidado redobrado ao clicarem em links desconhecidos. Este é um período que os fraudadores aproveitam para roubar esses dados e fazerem compras futuras, com um reflexo a médio e longo prazo na curva de aumento das fraudes”, sinaliza Omar Jarouche, diretor de Soluções da ClearSale.


Administradora de shopping centers revela ataque cibernético

Ao mercado a Aliansce Sonae informou que a invasão aconteceu em maio e a companhia admite que, algumas informações possam ter sido acessadas, mas que elas não eram estratégicas.

PF caça quadrilha que teria vazado dados do presidente Bolsonaro e de mais de 200 mil servidores

Ação policial acontece nos Estados do Rio Grande do  Sul e Ceará. Organização teria invadido sistemas de universidades, prefeituras e câmaras de veradores.

Para Idec, ação comprova que Metrô de SP não garante segurança de reconhecimento facial

Segundo entidade, que move processo contra o Metrô, empresa falhou em não realizar estudo para implantar a tecnologia. 

Bancos querem prisão por até 18 anos para cibercriminosos

Instituições financeiras pedem a aprovação urgente do PL 2638, apresentado na Câmara, pelo deputado Marcelo Ramos, PR/AM, que impõe punição rigorosa às fraudes cibernéticas. "A impunidade é um incentivo", diz Adriano Volpini, do Itaú-Unibanco.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G