Clicky

Convergência Digital - Home

IBM vai separar unidade de infraestrutura e se concentrar em nuvem

Convergência Digital
Convergência Digital* - 08/10/2020

A IBM informou nesta quinta, 8/10, que vai se separar da unidade de infraestrutura de TI para se concentrar em computação em nuvem, uma área de margem de lucro elevada que tem passado por salto na demanda conforme companhias buscam digitalizar seus negócios.

A IBM tem cortado negócios mais antigos ao longo dos anos para se concentrar em computação em nuvem e reduzir a dependência da venda de software e mainframes.

Arvind Krishna, que assumiu o comando da IBM em abril, afirmou que o portfólio de software e soluções da companhia vai ser responsável pela maior parte da receita da empresa depois da separação.

Krishna é conhecido como o “principal arquiteto” da maior aquisição da IBM, a companhia de software Red Hat, comprada por 34 bilhões de dólares no ano passado.

“O sucesso que tivemos com a Red Hat nos dá confiança de que estamos no caminho certo”, disse Krishna, considerando a estratégia como uma “mudança significativa” no modelo de negócios da IBM. A separação das empresas será concluída até o final de 2021, afirmou a IBM.

* Com informações da Reuters


Destaques
Destaques

Multinuvem do Serpro vai concorrer com a do Ministério da Economia

Estruturada a parceria com AWS, Huawei e Azure, da Microsoft, estatal passa a disputar contratos com órgãos públicos, em briga direta com nuvem licitada e gerida pela Secretaria de Governo Digital.

Por que se tornar uma empresa data-driven?

Data-driven ou orientada a dados. É esse o novo lema das companhias que, cada vez mais, estão armazenando e analisando dados em busca de insights de negócios. Mas o que as empresas devem fazer para abraçarem os dados de forma a promover benefícios estruturais e longevos? A resposta não é simples.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Serviços SaaS, proteção de dados e a LGPD

Por Eder Miranda*

Ter um plano abrangente de proteção adicional de dados para as plataformas SaaS é vital para os negócios, uma vez que as empresas não podem abrir sem ter o controle sobre o que está sendo protegido e sobre a maneira como isso está sendo feito pelos fornecedores de software como serviço.

Cloud é bom, mas quem gerencia?

Edmilson Santana*

Se a nuvem soluciona problemas de um lado, de outro sua operação demanda a formação de um time capaz de traduzir demandas de negócio em continuidade operacional, e isso de forma ágil, produtiva e consistente.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site