Convergência Digital - Home

Coleta de dados por microfones ou assistentes virtuais incomoda 75% dos consumidores

Convergência Digital
Convergência Digital - 19/11/2019

Um novo estudo global da Accenture Interactive, que entrevistou mais de 8 mil consumidores pelo mundo, oferece um panorama de como as marcas estão abrindo rotas para o sucesso com campanhas de publicidade digital. Mas alerta que a maioria dos consumidores entrevistados não consumiria certas marcas se o uso de dados se tornasse invasivo. 

O estudo concluiu que aproximadamente 73% dos consumidores estão dispostos a compartilhar informações pessoais se as marcas forem transparentes em relação ao uso que farão delas. Em 2018, esse número chegava a apenas 68% dos entrevistados. Essa mudança mostra uma oportunidade para as marcas que oferecem valor em troca dos dados de seus clientes, garantindo que não haverá qualquer tipo de abuso e deixando os consumidores mais tranquilos.

Ainda assim, os consumidores não querem que as marcas vão longe demais e violem sua privacidade. Mais de 75% dos consumidores não estão confortáveis com a coleta de dados via microfone ou assistente de voz e 51% afirmam que o número de anúncios invasivos está crescendo. 

Além disso, quase 30% dos consumidores conhecem uma marca que foi "longe demais" - e 69% desses consumidores deixaria de fazer negócios ou repensaria seu relacionamento com uma marca por conta disso. Já 93% dos consumidores concordam que é importante que toda interação com a marca seja "excelente".


Destaques
Destaques

Havaianas priorizaram data analytics da SAP para enfrentar a crise

A tecnologia foi crucial para transformar os negócios, contou o CEO da Alpargatas, Roberto Funari, ao participar do SAPPHIRE NOW Reimagine.“As empresas estão passando por um grande teste de reputação, nunca elas estiveram tão expostas", reforçou o executivo.

Uso da nuvem vai triplicar no governo federal

“Para 2020, 140 órgãos diferentes sinalizaram intenção de contratar, sendo R$ 86 milhões em renovações e R$ 159 milhões em novos contratos”, revela o secretário de Gestão do Ministério da Economia, Cristiano Heckert.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Transformação digital exige eficiência no gerenciamento

Por Luiz Fernando Souza*

Prevenir é sempre melhor do que remediar. Essa é uma máxima que precisa ser aplicada à transformação digital, e vale quando falamos da gestão dos servidores. E as razões são simples: é menos sofrido, menos dolorido e mais barato manter uma rotina de trabalho focada na manutenção, preservando com inteligência dados e sistemas.

Jornada para a nuvem: evite as armadilhas e faça a coisa certa

Por Fábio Kuhl*

Até bem pouco tempo, a nuvem era inovação, hoje me arrisco a dizer que, em breve, uma commodity.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site