SEGURANÇA

Porto de Fortaleza fica refém de ataque hacker

Convergência Digital* ... 05/11/2019 ... Convergência Digital

Vários sistemas da Companhia Docas do Ceará, que opera o porto de Mucuripe, em Fortaleza, continuam fora do ar, incluindo o website da empresa, atingida uma semana atrás por um ataque de ransomware. O acesso externo ao sistema de administração, chamado de Sisport Web, também está desabilitado – o sistema, que até 2015 se chamava SIGEP, é um sistema próprio da empresa e serve para controlar as operações portuárias desde o seu início (carga/descarga do navio) até a cobrança da fatura (contas a receber). A empresa está operando com emails externos e fazendo muitas operações manualmente. A informação é do site especializado CISO Advisor.

Na semana passada, a empresa informou que sua expectativa era normalizar as atividades já na quarta-feira dia 30, mas isso não aconteceu. Um exame do domínios da empresa na internet revela a existência de nove subdomínios, todos oferecendo resposta mas nenhum oferecendo serviço. O serviço www é oferecido com IIS 7.0 da Microsoft, que foi lançado dez anos atrás.

A presidente da empresa, Mayhara Chaves, informou que a invasão foi identificada por volta das 6 horas de segunda-feira dia 28 de Outubro. Segundo ela, “imediatamente as equipes internas foram acionadas e conseguimos bloquear as ações na companhia. O que eles fizeram foi criptografar nossas informações”. Os atacantes exigem um resgate a ser pago em bitcoin para enviar a chave que decodificará as informações nos computadores.

Com o ataque hacker, explicou a presidente, foi necessário fazer manualmente o controle da entrada e saída de caminhões de cargas e movimentações de cargas, mas o porto segundo ela não ficou parado. “Estamos detectando a melhor forma de resolver o problema”, afirmou ao jornal O Povo. Foi solicitado apoio da Polícia Federal para as investigações, assim como feito o boletim de ocorrências correspondente.


Prejuízo médio com violação de dados sobe para R$ 5,8 milhões no Brasil

Estudo da IBM mostra que o aumento no valor foi de 10,5% em relação a 2019. O levantamento traz uma advertência: aumentou o prazo para contenção do vazamento nas empresas para 115 dias. Credenciais roubadas ou nuvens com configurações incorretas foram as brechas para as invasões.

Segurança digital faz Oi ultrapassar a marca de 125 mil elementos monitorados em SOCs

SOCs, localizados no Rio de Janeiro e São Paulo, dão suporte à jornada digital de clientes públicos e privados e registrou um crescimento de 132% nas vendas de serviços gerenciados voltados à transformação digital.

PGFN alerta que é alvo de tentativa de fraude

Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional informa que nunca entra em contato para pedir doações ou para tratar de questões como pagamento de benefícios e auxílios ou restituição e resgate de valores.

Por Covid-19, biometria é excluída das eleições 2020 pelo TSE

Decisão foi tomada pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Luis Roberto Barroso, em função do risco de contágio da Covid-19. Os leitores lde impressões digitais não podem ser higienizados a cada utilização, o que seria um risco considerável.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G