Convergência Digital - Home

Grupo de Educação faz prova de conceito com virtualização de desktop

Convergência Digital
Por Roberta Prescott - 18/09/2019

Usuários de Nutanix desde 2017, O Grupo Educacional Bom Jesus e a Universidade São Francisco apostaram em soluções da companhia para ter maior segurança e disponibilidade no ambiente virtual de aprendizagem. "Com Nutanix conseguimos oferecer aos nossos estudantes um ambiente 100% estável, altamente disponível e com uma taxa de conectividade extremamente superior à solução de datacenter que nós tínhamos", contou Marcelo Augusto Bardi, gerente de tecnologia da informação do grupo, em entrevista realizada durante o Next On Tour, evento da Nutanix, realizado esta semana, em São Paulo.

Hoje, além do ambiente virtual de aprendizagem, rodam no Nutanix todos os serviços administrativos do grupo, com exceção da base de dados, que segue no datacenter legado. Na entrevista, Bardi detalha como ocorreu o processo de migração para Nutanix, que foi um processo faseado, começando pelos serviços que os alunos tinham acesso.

O plano agora é expandir o uso, incorporando, por exemplo, virtualização de desktop (VDI). Uma prova de conceito (PoC, da sigla em inglês proof of concept) está agendada para começar já em setembro. Vejam a entrevista com Marcelo Augusto Bardi.


Destaques
Destaques

IDC: mercado de nuvem pública vai chegar a R$ 15 bilhões em 2020

Mercado de TI brasileiro vai crescer 5,8% impulsioando pelos negócios de clóud computing e pela aceleração do mercado de software. Nuvem privada tem a preferência das grandes empresas e fica com até 25% do orçamento destinado à TI.

BRK Ambiental, CTG Brasil e Via Varejo aderem à nuvem na jornada digital

Empresas implementaram a plataforma SAP S/4HANA para sustentar a estrastégia digital. Os negócios de cloud tiveram forte impacto na receita da SAP Brasil.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Desafios às empresas: Contêineres, Orquestração e Microsserviços

Por Lenildo Morais*

Com o padrão “multi-edge edge computing”, o tráfego e os serviços de TI mudam de uma nuvem centralizada para micro-nuvens espalhadas o mais próximo possível dos usuários. As operadoras terão que oferecer serviços sob demanda, e mesmo em tempo real, para atender a todos os tipos de aplicativos.

Você já pensou no impacto que os seus dados geram no planeta?

Por Gustavo Loiola*

Hoje, são milhares de data centers espalhados pelo Planeta. É engraçado pensar nisso quando hoje falamos da tal da “nuvem" que armazena os nossos dados. Tiramos uma foto? Vai para a nuvem. Postamos no Instagram? Vai para a nuvem. Netflix, Spotify, Deezer? O streaming também está na nuvem.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site