Clicky

Fábio Faria escolhe Vitor Menezes e Artur Coimbra para o Minicom

Ana Paula Lobo* ... 29/07/2020 ... Convergência Digital

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, começa a dar a cara do ministério para o setor de Telecomunicações. Em live na OAB Nacional,nesta quarta-feira, 29/07, ele revelou a escolha de Artur Coimbra, ex-diretor de Banda Larga do MCTIC, para o cargo de secretário de Telecomunicações.J á Vitor Menezes,que respondia pela secretaria de Telecomunicações no MCTIC, agora, será secretário-executivo do ministério das Comunicações. Hoje, aliás, saiu a primeira nomeação de Faria: Maximiliano Martinhão para a secretaria de Radiodifusão.

A trinca escolhida se junta ao primeiro nome indicado: Wilson Wellisch, que também veio do MCTIC, para a diretoria de inclusão digital do Minicom. Coimbra e Menezes são velhos conhecidos do setor e estão cientes de todas as demandas da área de Telecomunicações. Menezes, aliás, sabe de uma questão emergencial: o direito de passagem, questionado pela Procuradoria Geral da Republica. Ainda no MCTIC, Menezes prometeu 'pacificar' os gargalos na infraestrutura com a publicação de um Decreto Presidencial. Já Artur Coimbra, conhece a fundo todas as questões relativas à massificação da banda larga e as políticas de inclusão digital.

Fábio Faria terá de resolver uma questão: a secretaria-executiva é, hoje, ocupada por Fabio Wajngarten, que veio da Secom e tem a confiança do presidente Jair Bolsonaro. Ele deve ser renomeado secretário especial de comunicação, mantendo-se à frente da Secretaria que comandou até a recriação do ministério.

*Com informação do Twitter do Minicom


Oi é única a crescer na TV paga, mercado que encolhe há seis anos sem reagir

No acumulado de janeiro a outubro de 2020, já se foram mais 660 mil acessos perdidos no segmento – e quase 5 milhões desde o pico, em 2014. 

Anatel encerra ciclo de TACs em acordo fraco com Algar

Depois de fracassar na troca de multas por investimentos com Oi, Vivo e Claro, agência contabilizou sucesso somente com a TIM e permitiu à Algar cortar mais da metade do acerto inicialmente firmado. 

Anatel renova faixa de 850 MHz para Vivo, mas nega pedido de redução de preço

Empresa renovou apelo ao regulador para que fosse aplicada a regra do preço público ou ônus de 2%, ambos abaixo do valor de mercado.

STF julga inconstitucionais leis de BA e RJ sobre créditos pré pagos e cobrança de serviços

Mais uma vez, Supremo ressaltou que, ainda que importantes ações em defesa dos consumidores, normas estaduais não podem invadir a competência privativa da União de legislar sobre telecomunicações. 

Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G