Home - Convergência Digital

Brasil entra no acordo Telefónica/Netflix até o final do ano

Convergência Digital - Carreira
Da redação - 24/05/2018

A Netflix e a Telefónica anunciaram nesta quinta-feira, 24/05, uma parceria global para integrar os serviços da Netflix nas plataformas de vídeo e TV da Telefónica nas duas regiões. O acordo cobre Europa e América Latina. No Brasil, informa a Telefónica, o acordo servirá para a plataforma IPTV e entra em operação até o final do ano.
 
"Queremos oferecer aos nossos clientes a oferta de conteúdo de vídeo mais completa possível, seja ela produção original da Telefónica ou de terceiros. A parceria com Netflix contribuirá para reforçar este objetivo em todas as nossas plataformas de vídeo multicanais", afirmou José María Álvarez-Pallete, presidente executivo da Telefónica.

Já a Netflix sustenta que o acerto é relevante para ampliar a massificação do conteúdo. "Tornar disponível Netflix nas plataformas de TV e vídeo da Telefónica permite que os consumidores assistam a todo o conteúdo que amam em um só lugar", afirmou Reed Hastings, cofundador e CEO da OTT.

Cada país anunciará os detalhes comerciais do acordo à medida que realizarem os lançamentos em nível local. O lançamento na Espanha está previsto para o final de 2018.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

06/04/2020
OTTs prometem medidas para preservar a internet, mas pedem respeito ao Marco Civil

11/02/2020
WhatsApp suspende 5 mil contas/mês no Brasil

29/01/2020
DAZN, de olho no Flamengo, reduz preço à metade e acirra guerra dos streamings

24/01/2020
Funcionários da ONU estão proibidos de usar o WhatsApp

11/09/2019
Apple ataca Netflix com oferta de conteúdo gratuito

19/02/2019
Vivo reforça parceria com Globosat por conteúdo de streaming

19/02/2019
Cliente da Claro/NET vai pagar Netflix em uma única fatura

25/10/2018
Avanço da Anatel sobre internet prejudica inovação, argumenta PSB

24/10/2018
Apple terá serviço global para concorrer com Netflix e Amazon

15/08/2018
Facebook acirra disputa com TVs com transmissão ao vivo da Liga dos Campeões para América Latina

Destaques
Destaques

Leilão 5G: TIM e Claro defendem adiamento. Vivo adverte para momento incerto

TIM e Claro se posicionam claramente contra a realização do leilão ainda em 2020. A Vivo se mostra mais cautelosa, mas admite que está tudo muito nebuloso por conta da economia e da pandemia de Covid-19. Todas asseguram que o momento ainda é de muito investimento no 4G e no 4,5G.

Operadoras pedem que edital do 5G traga compromissos na nova tecnologia

Mas Anatel lembra que reduzir preço das frequências para exigir investimentos que o mercado já faria naturalmente não faz sentido na licitação. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Para além da guerra da saúde pública, não adiem o leilão do 5G

Por Juarez Quadros do Nascimento*

O setor de telecomunicações tem suportado a sobrecarga derivada da pandemia de Covid-19. Mas, reforcem essas redes com tecnologia mais avançada para prover serviços de baixa latência. Dessa forma, não se postergue o leilão das redes ditas de quinta geração (5G) e atenção à segurança cibernética.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site