Clicky

INOVAÇÃO

Laura, a IA nacional que já salvou 12 mil vidas, entra no combate ao Coronavírus

Ana Paula Lobo e Pedro Costa, do Rio de Janeiro ... 27/03/2020 ... Convergência Digital

Em setembro do ano passado, durante o Rio Info 2019, o Convergência Digital apresentou a Laura, uma tecnologia de Inteligência Artificial 100% nacional, criada em 2016 depois de uma criança morrer em decorrência de falhas operacionais em um hospital. Agora, a Laura ganhou escala e será disseminada na área da saúde. Já utilizada em 30 hospitais do País, a Laura salvou mais de 12 mil vidas. Nesta quinta-feira, 26/03, foi firmado um acordo de cooperação para uso da inteligência artificial na área da saúde, que pode revolucionar o diagnóstico de infecções hospitalares em todo País. E, claro,salvar vidas.

O acordo engloba o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Telecomunicações (MCTIC), o Hospital das Forças Armadas (HFA), o Ministério da Defesa, o Instituto Laura Fressatto e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), que é uma organização vinculada ao MCTIC. A Laura permite cruzar todos os dados dos pacientes e fornece as informações necessárias para a tomada de decisão pelos médicos, tendo a Inteligência Artificial como ferramenta para a construção de diagnósticos. A proposta é que ocorra a identificação dos quadros de infecção com ao menos 10 horas de antecedência.

Em relação à epidemia do COVID-19, o responsável pelo Instituto Laura Fressatto, Jacsson Luiz, adiantou que a tecnologia já está sendo adequada para poder atender os casos mais críticos de pacientes atacados pelo novo coronavírus. “A sociedade precisa de tecnologia e de entrega social rápida”, completou o Rui Yutaca Matsuda, comandante logístico do Hospital das Forças Armadas. O Convergência Digital replica a entrevista feita com Cristian Rocha, um dos sócios do projeto Laura, no Rio Info 2019, onde ele explica a origem e como a Laura funciona.


Cloud Computing
Banco Central elege Open Source e nuvem como bases da infraestrutura do PIX

A Red Hat, uma empresa da IBM, foi a vencedora da licitação feita pela Autoridade Monetária para a construção da arquitetura de TI do novo meio de pagamentos brasileiro. As novas funcionalidades do PIX, como transações de comércio eletrônico, também estão sendo desenvolvidas na plataforma Open Source.

Lei de Informática: governo faz ajustes que facilitam incentivos à pesquisa

Decreto recupera contabilização de dispêndios até março do ano seguinte e permite regime distinto, trimestral ou anual, por diferentes unidades do mesmo grupo. 

Câmara aprova marco legal das startups

Entre as inovações, empresas iniciantes poderão ser beneficiadas por regras diferenciadas de agências regulatórias como a Anatel. Texto vai ao Senado.

Ericsson processa Samsung por patentes em briga de até R$ 900 milhões

Impacto faz parte da projeção da fabricante sueca no lucro com royaltes que pode deixar de receber no trimestre.  Essa não é a primeira batalha entre as empresas. Em 2012, a Samsung pagou US$ 650 milhões à Ericsson.

Huawei: setor elétrico tem de priorizar cibersegurança para evitar apagões

Flávio Hott, gerente de produto para Energia da fabricante, disse ainda que smart grids em 4G, e depois no 5G, são investimentos efetivos para melhorar o desempenho operacional das redes.

Copel vai investir R$ 3,5 bi em redes inteligentes

Presidente da estatal, Daniel Slaviero, prevê também a chegada da compra direta de energia pelo consumidor até por celular, como ocorre na Europa. A partir de 02 de janeiro, começa a instalação dos medidores inteligentes em 450 mil unidades.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G