Teles lançam site Fique Antenado! para incentivar instalação de antenas

Convergência Digital ... 03/12/2019 ... Convergência Digital

Para endereçar a demanda por ampliação e pela oferta de novos serviços, as prestadoras de telecomunicações elaboraram um portal para ajudar os municípios a criarem um ambiente favorável à expansão da infraestrutura. A iniciativa foi conduzida pelo SindiTelebrasil e lançada durante o Fórum Cidades Amigas da Internet e os Desa¬fios para a conectividade, realizado nesta terça-feira, 03/12, em Brasília. O Fique Antenado! recebeu o apoio do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações e da Agência Nacional de Telecomunicações ao ser apresentado durante encontro da Frente Nacional de Prefeitos (FNP).

“Hoje é um dia precioso para a indústria, para os prefeitos, para as telecomunicações, porque precisamos discutir mitos e verdades. Se quisermos usar o 5G, vamos precisar multiplicar a quantidade de torres em 5 ou 10 vezes. E para isso precisamos da compreensão de todos os prefeitos, de norte ao sul do Brasil”, destacou o presidente do SindiTelebrasil, Luiz Alexandre Garcia.

Como lembrou o presidente executivo do sindicato, Marcos Ferrari, “hoje fazemos tudo pelo celular, desde pagar conta, olhar o clima, ver filmes, conversar, trocar mensagens. E tudo depende da conectividade. Mas para isso precisa ter infraestrutura. Esse portal vem no sentido de elucidar autoridades locais, prefeitos, vereadores e a população em geral sobre os benefícios de uma legislação moderna, que por sua vez permite os benefícios da nova tecnologia.”

O governo federal apoiou a iniciativa e prometeu para o início de 2020 medidas legais e infralegais que também abordam a instalação de infraestrutura. “O Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações está totalmente atento a esse projeto. Estamos falando do processo de transformação digital do Brasil, que é muito abrangente e necessita dessa infraestrutura. E também estamos trabalhando na legislação. De forma que é importante essa parceria com a Frente Nacional dos Prefeitos, essa liderança dos prefeitos, para mudarmos as legislações municipais”, destacou o secretário executivo do MCTIC, Júlio Semeghini.

Como lembrou o secretário de Governo Digital do Ministério da Economia, Luís Felipe Monteiro, a conectividade é fundamental para que o próprio Poder Público ofereça melhores serviços, especialmente digitais como exigem os cidadãos. “O Brasil precisa acelerar o desenvolvimento da infraestrutura para ser produtor de tecnologia e não apenas consumidor. Só neste ano digitalizamos mais 486 serviços, o que resultou em uma economia de R$ 1,7 bilhão por ano. Mas para sermos 100% digitais precisamos da adesão digital do cidadão.”

Economia digital

No caminho da economia digital, reforçou o chefe da assessoria técnica da Anatel, Humberto Pontes, é preciso superar as dificuldades de implantação de novas redes. “Só em São Paulo mais de 1 mil pedidos estão pendentes de avaliação. Não só a burocracia, mas também as amarras legislativas que extrapolam a competências dos municípios em quesitos de distâncias mínimas ou em tópicos onde a agência já atua, como nos parâmetros de radiação”, pontuou.

Uma das possibilidades é por meio do projeto de lei 8.518/17, que prevê a aprovação tácita das licenças de instalação de antenas caso os municípios demorem a responder. “Estamos trabalhando na nova lei do ‘silêncio positivo’ para, sem ferir a autonomia dos municípios, dar um auxílio. No Brasil, em média demora até 2 anos para licenciar uma antena, vítima da burocracia. Queremos simplificar”, disse o autor da proposta, deputado Vitor Lippi (PSDB-SP).

“O ambiente é propicio. A convicção dos prefeitos é de que é preciso facilitar a instalação de antenas e que para isso as legislações precisam ser adequadas, assim como os procedimentos. A Frente Nacional dos Prefeitos apoia o PL 8.518/17, que vai destravar instalação. E não é só que o cidadão merece, mas demanda como água, energia, asfalto. Este assunto demanda diálogo para a desconstrução de mitos. E os prefeitos estão à disposição para sentar à mesa”, concluiu o secretário executivo da Frente Nacional de Prefeitos, Gilberto Perre.


Internet Móvel 3G 4G
Edital do 5G vai ao mercado com ou sem venda da Oi Móvel

"Não vou submeter um processo de política pública, como é o edital 5G, a uma fusão e aquisição", afirmou o presidente da Anatel, Leonardo de Morais.

Anatel recria 10 colegiados após extinção por Decreto presidencial

Uso do Espectro, Defesa dos Usuários, Prestadoras de Pequeno Porte, Aferição da Qualidade, Ofertas de Atacado, Acompanhamento de Redes são alguns dos grupos reestabelecidos pela agência. 

Reclamações contra oferta de banda larga crescem 40% com a quarentena da Covid-19

Queixas na Anatel cresceram especialmente a partir de março. No conjunto dos serviços, agência recebeu 1,52 milhão de reclamações entre janeiro e junho. Também houve um aumento de 20% com relação à telefonia móvel.

Oi quer corte de dívida com Anatel por desequilíbrio na concessão

“Tem que fazer um PGMU mais leve para que a gente possa respirar”, defende a diretora regulatória, Adriana Costa. Anatel esclarece que concessão não é sinônimo de lucro garantido. 

Huawei defende reserva de 500 MHz da faixa de 6GHz para as teles

Para o diretor da Huawei Brasil, Carlos Lauria, a reserva técnica é a melhor garantia para aguardar a evolução da tecnologia. "Se der tudo agora, não tem como voltar atrás depois", observa o executivo.

Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G